Brasil contra México foi o jogo mais sem graça da Copa, diz Le Point

Treinador do Brasil, Luiz Felipe Scolari, durante o jogo entre Brasil e México na Arena Castelão, em Fortaleza.

Treinador do Brasil, Luiz Felipe Scolari, durante o jogo entre Brasil e México na Arena Castelão, em Fortaleza|REUTERS/Marcelo del Pozo
Adriana Moysés

Para a imprensa francesa, a situação do Brasil na Copa do Mundo é preocupante. O site da revista Le Point considera que a partida contra o México revelou duas evidências: a forma excepcional do goleiro mexicano Ochoa e a situação particularmente preocupante de Daniel Alves.

Para Le Point, “o lateral direito brasileiro foi inofensivo no ataque e ficou perdido na defesa”. “Bastava um mexicano correr atrás dele ou disputar uma bola no corpo a corpo que Daniel Alves perdia o rumo”, escreve Le Point. O empate entre Brasil e México foi um dos jogos mais sem graça da Copa do Mundo, opina o site da revista semanal francesa.

O jornal Aujourd’hui en France vê uma sombra no horizonte da seleção brasileira depois da “vitória discutível”, segundo o jornal, contra a Croácia (3 a 1), na estreia, e o empate de 0 a 0 com o México. Assim como a imprensa brasileira, o diário francês destaca que desde o Mundial da Argentina, em 1978, o Brasil não chegava até a última rodada sem ter conquistado a vaga para a próxima fase de maneira antecipada. “Em uma Copa do Mundo não é bom começar o torneio com muita força, mas o desempenho da seleção de Luiz Felipe Scolari deixa dúvidas sobre a capacidade do Brasil de levantar a taça no dia 13 de julho, escreve o Aujourd’hui en France.

Dúvidas sobre a equipe de Felipão

O L’Equipe, maior jornal esportivo francês, diz que a defesa do México demonstrou força e solidez. O destaque em campo foi o goleiro Ochoa, que defendeu todos os ataques do Brasil. “A Seleção encontrou um muro no gol”, afirma o diário. Vale lembrar que o goleiro mexicano joga no Campeonato Francês, no clube Ajaccio. Seu contrato acaba de vencer e não foi renovado, mas L’Equipe estima que depois da partida sensacional contra o Brasil, Ochoa vai receber convites de vários clubes.

L’Equipe afirma ainda que Thiago Silva merecia um cartão vermelho pelo lance com Hernandez. “O capitão brasileiro e do PSG cometeu uma falta perigosa que merecia expulsão”, assinala o jornal. Sobre Felipão, L’Equipe diz que o técnico da seleção brasileira foi muito questionado pelos jornalistas na coletiva depois do jogo, mas preferiu não entrar na polêmica.

Neymar “impotente” diante da muralha mexicana

Le Monde afirma que Neymar ficou completamente impotente diante da “muralha Ochoa”. O Brasil bem que tentou criar ocasiões de gol, mas no balanço final, na avaliação do Le Monde, o fato é que a Seleção não cresceu depois da estreia contra a Croácia. O símbolo da inércia da equipe é Fred, que saiu vaiado no segundo tempo, nota Le Monde.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s