Centenas de adolescentes abusados em base naval

por LusaHoje

Centenas de adolescentes foram vítimas de abusos físicos e sexuais entre os anos de 1960 e 1984 quando se encontravam em recruta na base naval de Leeuwin, sudoeste da Austrália, denuncia um documento apresentado ao parlamento em Camberra.

O grupo especial que investiga a resposta da Defesa aos abusos cometidos nas Forças Armadas, liderado pelo juiz jubilado Len Roberts-Smith, analisou o caso de mais de 200 recrutas alistados em Leeuwin e já entregou dois casos à polícia, revelou o canal ABC.

O relatório, que detalha os abusos e inclui testemunhos das vítimas, assinala ser possível que alguns dos culpados continuem ainda a trabalhar no setor da Defesa.

Os abusos cometidos na base de treino naval são muito mais amplos do que o que se conhece até agora, revela o documento ao sublinhar que as autoridades nada fizeram para travar as agressões.

Len Roberts-Smith disse ainda que adolescentes até 15 anos foram vítimas de “abusos físicos e sexuais” e muitos deles, apesar de terem tentado, nunca conseguiram denunciar os abusos.

JCS // JCS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s