A miss do campeonato do Lalau

GGN

Enviado por JNS

“Miss Campeonato”: mistura de futebol e mulheres existe desde 1957

Do Blog do Curioso

Não é de hoje que a fórmula “futebol + mulher” é utilizada no Brasil. Ela já existe há 56 anos, mas de uma forma diferente. Se atualmente são os concursos de musa com pouca roupa que fazem sucesso, na década de 1950 um programa chamado Miss Campeonato é que aparecia como referência neste departamento.

Criado em 1957 pelo escritor e jornalista Sérgio Porto,  que usava o irreverente pseudônimo “Stanislaw Ponte Preta”, a atração foi ao ar pela  Rádio Mayrink Veiga, do Rio de Janeiro, e surgiu como uma espécie de metáfora para explicar a tabela do Campeonato Carioca. Funcionava da seguinte maneira: um grupo de humoristas, com destaque para Tutuca, Antônio Carlos Pires, Geraldo Alves, Mário Senna e Duarte de Morais, disputavam a atenção da moça chamada “Miss Campeonato”, geralmente interpretada por uma vedete de destaque da época.  No programa, cada humorista fazia o papel de um time – o mais ilustre deles, Zé Trindade, era o flamenguista, por exemplo – e a moça ficava com o representante do clube que tivesse terminado a rodada do final de semana na liderança.

Sérgio Porto, o Stanislaw Ponte Preta, criou o programa com as Certinhas do Lalau

Sobre o processo de seleção da vedete, o pesquisador paulista Magalhães Júnior, roteirista de “A Praça é Nossa”, explica que as candidatas eram escolhidas no concurso “As Certinhas do Lalau”. “Na verdade, concurso não é a palavra mais adequada, porque não tinha jurados”, explica Magalhães. “Todas as escolhas eram feitas pelo próprio Sérgio Porto”.  “As Certinhas do Lalau” começou como uma brincadeira na coluna d Stanislaw no Última Hora para mexer com o colunista Jacinto de Tormes (pseudônimo de Maneco Muller), que elegia as “10 mais bem vestidas” da elite do Rio de Janeiro. Então, toda semana, ele escolhia uma “certinha”. Magalhães conta que o nome “Certinhas do Lalau” foi escolhido depois de uma ida de Sérgio Porto à praia. Na ocasião, ele teria escutado o próprio pai dizer que uma mulher caminhando no calçadão era muito “certinha” e acabou tendo a ideia que seria uma de suas marcas registradas e que até 1968 seria tema de alguns de seus textos. A primeira vedete a participar do programa como “Miss Campeonato” foi a atriz Rose Rondelli, que se casaria depois com o humorista  Chico Anysio.

Reportagem de jornal da época mostra o sucesso do “Miss Campeonato” no rádio. Em destaque, a vedete Rose Rondelli

O sucesso da atração no Rio foi tão grande que, no mesmo ano de 1957, o formato migrou para São Paulo, com textos assinados por  Aloysio Araújo. Ao contrário da versão carioca, o programa em São Paulo foi transmitido  pela TV Paulista, o Canal 5. O roteiro teve de sofrer algumas alterações. A principal delas foi a de que a história passou a ser ambientada em uma pensão onde moravam torcedores dos principais clubes do campeonato, que brigavam pelo amor da filha de Dona Liga.  A proprietária do estabelecimento era interpretada pela cantora Diamantina Gomes. Assim como no Rio, a Miss Campeonato era vivida por uma vedete.  Carmem Verônica foi a primeira a ocupar o papel, seguida depois por Célia Coutinho, Anilza Leoni e Marli Marlei. Já o time de humoristas era formado por nomes como Ronald Golias (Corinthians), Daniel Guimarães (Portuguesa), Farid Riskalla (Ferroviária), Manoel Inocêncio (Palmeiras), Luis Pini (Santos), Clayton Silva (Juventus) e Cláudio Moreno (São Paulo). O programa foi exibido até 1964 e, ao final de cada temporada, a Miss Campeonato casava-se com o personagem do time campeão. Por isso, a atração só ia ao ar durante  o torneio estadual e, no ano seguinte, a história recomeçava do zero.

Elenco de humoristas do “Miss Campeonato” exibido pela TV Paulista. No centro,a vedete Anilza Leone

Em 1973, a TV Gazeta tentaria ressuscitar o formato, mas depois de três meses desistiu do projeto, reclamando da baixa audiência. Nesta versão do programa, a Miss Campeonato era interpretada pela atriz Lucimara Parisi. “Foi uma época muito boa da minha carreira”, afirma ela. “Eu me divertia bastante fazendo o programa, todos no elenco se davam muito bem”. Lucimara contracenou com os humoristas Borges de Barros (Corinthians), Luis Pini (Santos)e Daniel Guimarães (Palmeiras). Apesar da mal sucedida tentativa, Magalhães Júnior acredita que ainda existe espaço para a atração na atualidade. “Na verdade, uma das minhas maiores vontades é ver um programa parecido com o Miss Campeonato em exibição novamente”, diz ele. “Só acho que o formato seria mais adequado para o rádio do que para a televisão”.

* * *

Por JNS

Primeiras

“GRITO DE  CARNAVAL” PELA CIA DE REVISTAS POPULARES, NO OLYMPIA

Em continuação da temporada de espectaculos populares a Companhia do Olympia nos deu antehontem cm primeiras representações a revista carnavalesca “Grito de Carnaval”, original de Nestor Tangerini e Octavio França.

A nova peça enscenada no rheatrinho da rua Visconde do Rio Branco é bem Interessante como espectaculo divertido que é. Tendo números de musica que merecem especial registro.

Todos os artistas do Olympia representaram com agrado, mesmo o garoto Sobral, estreante, e as “girls”, que souberam animar os números musicados.

Todavia, msrecem destaque os trabalhos de Durvallna Duarte. Diamantina Gomes, Dinorah Marzullo, Ratinho e Octavio França.

“Grito de Carnaval”, repetimos. é uma revista interessante e de aspecto accentuadamente carna”alesco.

http://memoria.bn.br/pdf/093718/per093718_1938_03669.pdf

* * *

Trabalhou na temporada popular da Casa de Caboclo, do Teatro Fênix, onde atuou ao lado de Jararaca e Ratinho, Alvarenga e Ranchinho, Ema D’Ávila, Diamantina Gomes e Antônio Marzullo.

http://www.geni.com/people/Dalva-de-Oliveira/6000000015952295975

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s