Jovem é morta a facadas pelo companheiro em Novo Hamburgo

Marido ainda levou carro e TV da casa do sogro antes de se entregar, na Serra

Uma jovem de 20 anos foi morta a facadas, na tarde da quarta-feira em Novo Hamburgo, Vale do Sinos. Foi  o segundo feminicídio registrado, em menos de cinco horas, no Rio Grande do Sul. De acordo com a Polícia Civil, perto das 15h, o companheiro de Clenir Viana, de 20 anos, confessou o crime. Depois de cometer o assassinato, ele ainda foi ao local de trabalho do sogro e pediu a chave da casa do homem, alegando a necessidade de recolher alguns pertences.
Dessa residência, o suspeito levou um veículo e, entre outros objetos, um aparelho de TV. O pai da vítima registrou o furto do veículo na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento. Por volta das 16h30min, o acusado se apresentou à Delegacia de Polícia de Carlos Barbosa, na Serra, onde assumiu ter assassinado a companheira.

Às 17h30min, segundo o registro policial, o corpo de Clenir foi localizado na casa da rua Orlando Silva, bairro Canudos, onde ela vivia com o companheiro. O acusado tinha vários antecedentes criminais, segundo a Polícia.

Ainda pela manhã, uma mulher já havia sido morta a tiros pelo companheiro, junto da filha, em Encantado, no Vale do Taquari. Ângela Cândida de Brito, de 40 anos, que cumpria liberdade condicional, e Júlia de Brito, de 16, foram levadas para o Hospital Beneficência Santa Terezinha, onde morreram perto do meio-dia. O principal suspeito dos crimes, é condenado por roubo e latrocínio e considerado foragido do Presídio de Encantado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s