Manual mostra à Imprensa como funciona o Ministério Público

O manual foi entregue à Tribuna da Bahia

30/05/2015
Foto: Romildo de Jesus
Walter Pinheiro, presidente da Tribuna, e o procurador Márcio Fahel
Walter Pinheiro, presidente da Tribuna, e o procurador Márcio Fahel

Visando uma maior aproximação com os veículos de comunicação do estado, o procurador geral do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), Márcio Fahel, visitou a sede da Tribuna da Bahia, na manhã de ontem, onde foi recebido pelo presidente da publicação, Walter Pinheiro. Na ocasião o chefe da instituição apresentou um manual dirigido aos jornalistas sobre o trabalho realizado pelo MP.

Nele, a imprensa terá uma maior noção sobre o funcionamento do Ministério Público, através de itens como a organização, os órgãos que o compõem, áreas de atuação, atores, fases do processo penal, além de termos, expressões que são corriqueiramente utilizadas, além dos instrumentos judiciais e extrajudiciais utilizados tais como ações cautelares, ação civil pública, notícia-crime e Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

“Penso que a nossa relação com a imprensa tem que ser sempre saudável, deve ser cada vez mais aprimorado e dar a garantia das liberdades. Além disso, reconhecermos que o integrante do Ministério Público deve falar de forma bastante compreensível junto à população, que uma linguagem que o jornalista normalmente já utiliza”, destacou Fahel.

Além disso, ele salientou que a cultura de que os conhecedores da lei têm o poder da verdade em relação às demais pessoas tem que acabar.

Já o presidente da TB, Walter Pinheiro, enalteceu o fato de estar havendo uma maior integração entre a imprensa e os órgãos que representam a justiça brasileira, voltou a comentar do encontro realizado, na última semana, entre jornalistas e magistrados, em que foram debatidos a atuação e o papel social dos dois segmentos e aproveitou o momento para convidar, tanto o MP, quanto a Ordem dos Advogados do Brasil, seção Bahia (OAB-Ba), para entrarem nas discussões.

“Nós nos sentimos honrados e felizes com esse processo de integração cada vez maior. A importância que o Ministério Público tem com relação ao fortalecimento da cidadania e no cumprimento das normas constitucionais é muito grande. Eles são vistos como a tábua de salvação da comunidade. Acredito que este será o primeiro de muitos encontros para que as missões de ambas as instituições sejam cumpridas”, disse Pinheiro.

Além da entrega do Manual, os dois conversaram sobre temas importantes da política brasileira, da economia e da excessiva judicialização do jornalismo.

Outro ponto da conversa foi sobre a atuação do MP com relação à morte de 12 homens após uma ação policial no bairro do Cabula, em fevereiro deste ano. O procurador-geral disse que a tramitação já foi iniciada, os detalhes serão submetidos ao processo judicial adequado e, no momento devido, o Judiciário vai trazer o resultado dos fatos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s