Bancários pedem que Banco Central não autorize venda do HSBC ao Bradesco

Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil

Cerca de 40 bancários fizeram hoje (18) manifestação em frente ao Banco Central (BC) em Brasília contra a venda do HSBC ao Bradesco. No último dia 3, o Bradesco anunciou a compra do HSBC por R$ 17,6 bilhões.

Segundo a coordenadora nacional da Comissão de Organização dos Funcionários do HSBC, Cristiane Zacarias, os manifestantes querem que o Banco Central não autorize a compra. “Se olharmos o histórico de aquisições no passado, os empregos são perdidos”, disse.

Ela argumentou ainda que a venda diminui a concorrência e aumenta a concentração bancária. Se a venda for realmente aprovada, Cristiane defende que o emprego dos trabalhadores seja garantido.

Depois da manifestação no centro de Brasília, os bancários seguem para o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), que também vai analisar a operação de venda do HSBC ao Bradesco.

De acordo com o diretor do Sindicato dos Bancários de Brasília, Paulo Frazão, os bancários participariam hoje na Câmara de audiência pública para discutir o assunto, mas o evento foi cancelado. Então, eles decidiram fazer a manifestação em frente ao BC. “Estamos aqui em defesa dos nossos empregos. São 21 mil do HSBC e 93 mil funcionários do Bradesco. Pode haver desemprego tanto de um lado como do outro”, disse.

Edição: Denise Griesinger
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s