Loja de armas vende quadros de homem que foi absolvido após matar jovem negro

Uma loja de armas da Florida colocou à venda cópias de um quadro com a imagem da polêmica bandeira confederada pintado por George Zimmerman, o ex-vigilante voluntário absolvido depois de matar um jovem negro nos Estados Unidos.

De acordo com o site da Florida Gun Supply, o dinheiro arrecadado com a venda das cópias da pintura será compartilhado entre Zimmerman e Andy Hallinan, o proprietário da loja localizada em Inverness, Flórida (sudeste dos Estados Unidos), que foi recentemente processado por ter declarado sua loja uma área “livre de muçulmanos”.

“George começou a pintar uma bandeira americana em sua tela, mas ouviu dizer que Andy foi processado pelo CAIR (Conselho para as Relações Americano-Islâmicas)”, então decidiu “pintar a bandeira confederada”, explica a loja em seu site, onde oferece as cópias assinadas por Zimmerman, por US$ 50.

CAIR processou Hallinan em julho por declarações polêmicas contra os muçulmanos.

“George e Andy vão dividir os lucros, que financiarão seus fundos, custos de vida e sua missão de mudar o país”, afirma o site, que postou um vídeo de dez minutos em que Hallinan e Zimmerman reclamam da alegada parcialidade da imprensa contra suas posições políticas.

A bandeira confederada, emblema dos soldados do Sul durante a Guerra Civil, está no centro de um debate sobre o racismo nos Estados Unidos após o assassinato em 17 de junho de nove negros em uma igreja em Charleston por um jovem supremacista branco.

A bandeira vermelha com uma cruz diagonal azul contendo as estrelas brancas é um símbolo do racismo para muitos americanos.

Zimmerman, de 31 anos, era vigia voluntário de uma bairro residencial quando, em fevereiro de 2012, atirou e matou um jovem negro desarmado de 17 anos, Trayvon Martin, em Sanford, Flórida, em um caso que chamou a atenção internacional.

Filho de mãe peruana e pai americano, Zimmerman foi absolvido por um júri com base em uma controversa lei da Flórida de autodefesa, o que provocou protestos em todo o país.

Desde então, Zimmerman já teve vários problemas com a lei, incluindo por agressões contra ex-esposas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s