Comissão do Senado aprova quebra de sigilo bancário de Del Nero

Medida também atingiu parceiro da CBF Wagner Abrahão

Del Nero

Presidente CBF terá sigilos fiscal e bancário quebrados pela CPI
Uma comissão do Senado aprovou nesta quinta-feira, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) o requerimento que solicitava a quebra do sigilo bancário do presidente da CBF, Marco Polo Del Nero. A medida também se estende ao empresário e parceiro da entidade Wagner Abrahão, segundo informações do site da ESPN.

Conforme a publicação, as informações que serão analisadas correspondem ao período entre 17 de maio de 2007 a 31 de maio de 2015. O presidente da CBF e o parceiro ainda podem recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) para impedir o acesso aos dados.

Recentemente, uma reportagem da Folha de São Paulo relatou que Del Nero comprou uma cobertura na Barra da Tijuca, bairro nobre do Rio de Janeiro, do parceiro comercial da CBF. A residência foi avaliada em R$ 5,2 milhões. Conforme o jornal, o negócio entre os dois foi feito em fevereiro de 2015.

Abrahão é sócio do Grupo Águia, que faz todas as viagens da seleção e dos clubes das Séries B e C do Brasileiro. Em abril, o deputado federal Romário afirmou que o empresário tem uma lista extensa de “falcatruas”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s