Principal líder religioso xiita defende luta anticorrupção no Iraque

O principal líder religioso xiita do Iraque, aitaolá Ali al-Sistani, abraçou a causa da luta lançada pelo governo contra a negligência e a corrupção no país.

Sistani, venerado por milhões de iraquianos, defendeu as reformas propostas pelo primeiro-minsitro Haider al Abadi e seu apoio calou os opositores, que preferem não contrariar a principal autoridade religiosa do país.

Ele se uniu assim às inúmeras manifestações realizadas em Bagdá e no sul do país contra a corrupção dos políticos.

“A paciência de muitos iraquianos se esgotou e eles se manifestam contra as condições miseráveis do país. Querem melhorias”, afirma o aiatolá Sistani em uma carta em que respondeu a perguntas da AFP.

Na carta, o aiatolá diz que a Marjaiya, a principal autoridade religiosa xiita do país, afirmou que é o momento de empreender reformas.

Em 7 de agosto, depois de uma série de manifestações, o aiatolá pediu “medidas drásticas” contra a corrupção, que o primeiro-ministro anunciou dois dias depois e foram aprovadas com uma rapidez assombrosa pelo parlamento.

O aiatolá, que vive recluso, poucas vezes intervém na vida política do país, mas quando sai de seu silêncio tem grande influência.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s