Militares sauditas interceptam míssil Scud disparado do Iêmen

SANAA (Reuters) – Unidades do Exército do Iêmen aliadas à milícia houthi dispararam um míssil balístico contra o sul da Arábia Saudita nesta quarta-feira, mas os militares sauditas disseram tê-lo interceptado e retaliado com ataques aéreos no território iemenita.

Moradores de Sanaa, capital do Iêmen, relataram ter ouvido um grande estrondo quando o míssil Scud foi lançado nas proximidades da cidade, seguido pela ofensiva aérea saudita contra um palácio presidencial e um depósito militar de foguetes.

O brigadeiro-general Sharaf Luqman, porta-voz das forças iemenitas que lutam ao lado dos houthis, afirmou que o míssil teve como alvo uma estação de energia elétrica na província de Jizan, na Arábia Saudita.

O ataque foi “uma resposta à agressão saudita brutal ao Iêmen”, declarou ele à Saba, a agência de notícias estatal do Iêmen controlada pelos houthis.

Os militares sauditas disseram em um comunicado que interceptaram o míssil, evitando qualquer dano, e que direcionaram seus ataques aéreos contra a fonte do disparo no Iêmen.

A Arábia Saudita liderou uma intervenção militar árabe contra os houthis a partir de 26 de março para restaurar o governo iemenita expulso pelo grupo e repudiar o que vê como uma influência insidiosa do Irã, principal aliado da facção xiita.

(Por Mohammed Ghobari)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s