Arquivo da tag: Baixada Santista

Quadrilha invade imóvel de investigadora aposentada e faz família refém

Da Redação de A Tribuna

Uma quadrilha roubou a casa de uma investigadora aposentada da Polícia Civil, no Canto do Forte, Praia Grande, na noite de quinta-feira. Armados, os marginais fizeram a policial reformada, o filho e o namorado reféns e roubaram uma moto, a arma da investigara, dois televisores, um computador, três telefones celulares e joias, avaliadas em R$ 60 mil.

O roubo ocorreu por volta das 22h30. O filho da vítima foi rendido na porta de casa e deixado de um dos cômodos da casa, enquanto os bandidos reviraram o imóvel em busca de bens de valor.

Enquanto transportava os objetos para o porta malas de um carro, o grupo notou a chegada da investigadora e do seu namorado, um empresário.

Prontamente, eles foram levados para o recinto onde já estava a primeira vítima. Todos ficaram sob a custódia de um dos marginais, que flagrou a investigadora tentando apanhar o revólver que carregava na bolsa.

Ao abrir o acessório, o bandido encontrou a carteira funcional da policial reformada e a sua pistola 380. Nervoso, ele agrediu a investigadora e o seu namorado com socos e tapas. Em seguida, tomou posse da arma e amarrou as três vítimas com cadarços de tênis.

Fuga com a moto

Assim que terminaram de colocar os objetos desejados no carro, quatro ladrões fugiram a bordo do veículo e um deles deixou o imóvel conduzindo uma motocicleta da policial aposentada.

Minutos após a fuga do grupo, as vítimas solicitaram ajuda e foram conduzidas à Delegacia Sede da Cidade, onde o caso foi registrado. Por enquanto, ninguém foi preso e nenhum objeto roubado foi recuperado.

Carcereiro é morto a tiros em frente à loja em Praia Grande

De A Tribuna On-line

Um carcereiro foi morto na manhã desta terça-feira, na Avenida Ministro Marcos Freire, na Cidade Ocian, em Praia Grande. O crime ocorreu em frente ao número 7338, onde funciona um estabelecimento comercial. O homem, de pouco mais de trinta anos, fazia bicos no local.

De acordo com o dono da loja de automotivos, João Luis Marques, o rapaz estava dentro do carro com a porta aberta, quando foi abordado por três homens que efetuaram os disparos. O resgate chegou a ser acionado, mas a vítima não foi socorrida a tempo e faleceu antes de ser levada ao hospital. Os bandidos levaram o carro, porém o abandonaram minutos depois. 

Mulher agredida por populares teve traumatismo craniano

De A Tribuna On-line

Com informações de Nathalia de Alcantara 
 

N/A

Porteiro alega que esposa foi confundida

A mulher espancada por populares na tarde de sábado, no Morrinhos I, em Guarujá, permanece internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santo Amaro. Além de ferimentos por todo o corpo, ela foi diagnosticada com traumatismo craniano. A vítima foi agredida depois de ter sido acusada de sequestrar crianças no bairro.

Dona de casa, a vítima, de 31 anos, foi imobilizada, amarrada e agredida. Depois, levada para os fundos do bairro para ser morta. Inconformados com a brutalidade, vizinhos acionaram a Polícia Militar. Várias viaturas foram enviadas para o local, mas os policiais tiveram o trabalho dificultado pelos agressores, que tentavam atrapalhar o resgate.

A PM informou que ainda não foi comprovada a participação da mulher em um suposto sequestro, mas que toda a história será investigada. A identidade das pessoas que participaram do espancamento também será buscada pela polícia.

Problemas psicológicos

De acordo com o marido da vítima, um porteiro de 40 anos, a esposa tem problemas psicológicos, mas nunca foi agressiva. “Jogaram um boato na internet e confundiram ela com outra pessoa. Não dá para imaginar que acontecem situações como essa. Ela tem transtorno bipolar, mas tem ido sempre ao médico e toma toda a medicação receitada”.
 
 

Motorista que retorna à Capital encontra lentidão na Imigrantes

De A Tribuna On-line

A Rodovia dos Imigrantes, sentido São Paulo, tem tráfego lento, na noite deste domingo, do km 70 ao km 65, devido ao excesso de veículos. Demais rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI) têm fluxo normal. A Operação Subida (2×8), implantada para facilitar o retorno dos motoristas à Capital, segue em vigor. 
 
A descida da Serra é realizada pela Pista Sul da Anchieta e a subida, pelas Pistas Norte da Rodovia dos Imigrantes e Via Anchieta e pela Pista Sul da Imigrantes.
 
Desde as 0h do dia 30 de abril, quando se iniciou a contagem de feriado, mais de 230 mil veículos desceram a serra em direção à Baixada Santista. No sentido Capital, a concessionária registrou a passagem de mais de 203 mil veículos. Na última hora, desceram 1,9 mil veículos e subiram 6,2 mil veículos.

Baixada Santista confirma 298 casos de dengue

Da Redação de A Tribuna  

N/A

Em Santos, foram confirmados 128 casos da doença

A Baixada Santista já concentra 298 casos de dengue desde o início do ano. Os casos foram confirmados em seis municípios. Santos lidera o ranking, com 42,9% dos casos. Na Cidade, até o momento, foram confirmados 128 registros, seguido por Bertioga, com 90.

Em Santos, segundo apurou a Reportagem, há pacientes que fizeram exames e aguardam resultado da sorologia. Já em Bertioga, 166 notificações também esperam o laudo do exame de sangue.

Em São Vicente, a Secretaria de Saúde registrou 15 casos da doença – três em janeiro, quatro em fevereiro, quatro em março e quatro em abril. Mongaguá reúne dez confirmações, 20 exames negativos e 32 aguardando resultado.

Em Guarujá há 52 confirmados em 2014 (até março). De julho de 2013 a março de 2014, foram 81 casos positivos, dos quais 29 são de 2013, no período de julho a dezembro. Não foram registrados mortes ou casos de dengue grave. Os dados de abril ainda não estão fechados: aguardam confirmação do Instituto Adolf Lutz um total de 70 notificações, tendo como prazo de sete a 15 dias.

Cubatão confirmou três casos – 25 foram descartados e 163 ainda esperam resultado de exame.

Apesar do aumento de casos na região nas últimas semanas, o número é distante de 2013, quando a dengue se tornou uma epidemia e cerca de 33 mil registros foram confirmados.  

Adolescentes morrem após serem atropelados em rodovia por motorista embriagado

A Tribuna|Bruno Lima

Um acidente de trânsito na Rodovia Anchieta, altura do Jardim 31 de março, Cubatão, no início da noite de quinta-feira, tirou a vida de dois adolescentes de 16 anos. Enquanto circulavam de bicicleta pelo acostamento, as vítimas foram atropeladas por uma Spirit que era dirigida por Fabrício da Silva, de 30.

Em aparente estado de embriaguez, o motorista foi agredido e teve o carro apedrejado por populares que flagraram a colisão e constataram o suposto estado alcoólico de Fabrício.

O jovem Lucas da Silva Pereira morreu no local, enquanto Jefferson de Almeida Patrício faleceu após dar entrada no Pronto Socorro Central da Cidade.

Por conta dos ferimentos, Fabrício também foi encaminhado à unidade médica, onde permanece internado sob escolta policial.

Segundo testemunhas, o acidente ocorreu por volta das 19h30, no quilômetro 56 da Anchieta. Trafegando com os faróis apagados, o acusado teria perdido a direção do veículo e saído da pista rumo ao acostamento. Logo após a colisão, populares correram para prestar ajuda às vítimas.

Caminhão com cestas básicas para desabrigados sofre tentativa de assalto

De A Tribuna On-line

Na manhã seguinte ao incêndio que destruiu cerca de 150 barracos nas favelas do Mangue Seco e Butantã, no Jardim Rádio Clube, em Santos, por pouco a ajuda não chega às mãos dos desabrigados. Um caminhão que levava cestas básicas aos moradores sofreu uma tentativa de assalto na manhã desta sexta-feira, próximo à Avenida Hugo Maia.

De acordo com André Luiz, presidente da Associação de Moradores das favelas atingidas, os próprios desabrigados conseguiram fazer com que os bandidos não levassem a carga. “Eles tentaram roubar, mas não conseguiram. Fomos para lá e deixamos uma secretária nossa (da Associação) tomando conta para que outro grupo não se aproxime”.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Santos, Daniel Onias, a Prefeitura vai impedir que os moradores voltem a ocupar a área onde ocorreu o incêndio, depois que os destroços forem retirados do local.

N/A

As chamas tiveram início por volta das 11h30 de quinta e em cerca de meia hora devastaram quase toda a região

Até ontem, pelo menos 120 famílias, vítimas do incêndio nas favelas do Mangue Seco e Butantã, no Jardim Rádio Clube, em Santos, foram cadastradas para receber ajuda da Prefeitura. Desse total, dez foram encaminhadas para abrigos públicos. O cadastro segue no final de semana no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da Zona Noroeste.

Os interessados em ajudar os desabrigados podem doar roupas, produtos de higiene, de limpeza, colchão, toalha, travesseiro e lençol e itens alimentícios. 

O incêndio

As chamas tiveram início por volta das 11h30 e em cerca de meia hora devastaram quase toda a região (8 mil m²), de acordo com informações oficiais do Corpo de Bombeiros.

Os barracos destruidos pelas chamas ficam próximos a um canteiro de obras do programa Santos Novos Tempos, ao lado do morro Ilhéu Alto, às margens do Rio São Jorge. Por volta das 12h45, as chamas foram controlada.

N/A

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, em razão da forte rajada de vento que atingiu região no início do dia de ontem, o fogo se espalhou rapidamente. Um galpão da Prefeitura próximo ao local também foi atingido pelas chamas.

Minutos após o início do incêndio, o Plano de Auxílio Mútuo (PAM) foi acionado e, no total, 17 viaturas e 37 soldados do Corpo de Bombeiros de Santos, São Vicente, Cubatão, Guarujá e da Brigada de Incêndio da Margem Direita participaram do combate ao fogo. Precisou ser utilizado 300 mil m³ de água. Viaturas da Sabesp e da Terracom ainda prestaram apoio.

No pós-feriado, motoristas encontram lentidão na chegada a São Paulo

De A Tribuna On-line

Os motoristas que trafegam pelas estradas do Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI) na manhã desta sexta-feira encontram lentidão do Km 13 ao Km 10 da Via Anchieta, sentido capital. O exceso de veículos é a causa do trânsito.

Segundo a Ecovias, concessionária que administra o complexo, a visibilidade é boa em todos os trechos da Via Anchieta e das rodovias dos Imigrantes, Padre Manoel da Nóbrega e Cônego Domenico Rangoni.
 

Balsas
 
Quem pretende fazer o trajeto Santos-Guarujá espera em média 10 minutos para entrar em uma das sete balsas que estão em operação. Já em Guarujá-Bertioga, uma embarcação opera com tempo de espera de 20 minutos.
 
Em São Sebastião e Ilhabela, três barcas realizam o trajeto com tempo de espera de 30 minutos. O intervalo de tempo é o mesmo para quem faz a travessia entre Ilha Comprida e Cananéia.

Baixada Santista: 21 mil clientes seguem sem energia

01/05/2014 

São Paulo, 01 – A CPFL Piratininga divulgou nota à imprensa informando que 21.257 clientes da Baixada Santista ainda estão com o fornecimento de energia elétrica interrompido e que a previsão é regularizar o serviço durante a noite e madrugada.

Os clientes afetados estão localizados na cidade de Santos, Praia Grande, São Vicente, Cubatão e Vicente de Carvalho (distrito de Guarujá). A interrupção foi causada pelas rajadas de vento forte que atingiram a região nesta manhã.

Incêndio de grandes proporções atinge favela do Mangue Seco, em Santos

De A Tribuna On-line

Um incêndio de grandes proporções atinge a favela do Mangue Seco, no Jardim Rádio Clube, em Santos. As chamas tiveram início por volta das 11h30.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, em razão da forte rajada de vento que atinge a região desde o início do dia, o fogo se espalhou rapidamente, atingindo dezenas de barracos e um galpão da Prefeitura próximo ao local. Segundo a corporação, a ocorrência está fora do controle.

Para o combate às chamas foram enviadas ao local pelo menos cinco viaturas do Corpo de Bombeiros de Santos e São Vicente. Há ainda outros quinze carros da Polícia Militar e outras duas viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no local.

Cobertas com roupas molhadas para se proteger do fogo, pessoas da comunidade também auxiliam o Corpo de Bombeiros no combate ao fogo. Ainda não há informações sobre o que teria causado o incêndio na região.

noticias gerais e, especificamente, do bairro do Brás, principalmente do comércio