Arquivo da tag: Fuga

Veterano que fugiu para Normandia pelo Dia D volta para casa de repouso Imprimir Recomendar (você já está conectado)

AFP INTERNACIONAL

07. Junho 2014 

O veterano de guerra britânico que havia escapado na quinta-feira para participar das comemorações do 70º aniversário do Desembarque da Normandia voltou neste sábado a sua casa de repouso.

Bernard Jordan, de 89 anos, estava neste sábado nas páginas da imprensa inglesa, que falou de sua “grande fuga” e de sua determinação, “a mesma demonstrada no dia do Desembarque”.

O idoso, que foi prefeito da cidade de Hove, no sudeste da Inglaterra, onde se localiza sua residência, fugiu na manhã de quinta-feira da instituição.

Com suas medalhas escondidas sob uma capa de chuva, embarcou em um ônibus de veteranos que se dirigia à localidade francesa de Ouistreham, na Normandia.

“Fiquei muito bem, estou muito feliz de ter feito isso”, declarou o ex-oficial da Royal Air Force ao chegar neste sábado em uma balsa a Portsmouth, no sul da Inglaterra.

Os funcionários da residência deram o alerta de desaparecimento na noite de quinta-feira e a polícia do condado de Sussex buscou o veterano por toda a região, sem conseguir encontrá-lo. 

O homem foi localizado no mesmo dia são e salvo, mas na Normandia.

“Agora sei que terei que enfrentar as consequências”, disse após seu retorno.

“Está muito cansado, tem que ganhar forças e descansar”, declarou à AFP Debbie McDonald, a diretora do estabelecimento.

Um funcionário do centro garantiu que ele não havia sido proibido de ir às comemorações, e explicou que haviam tentado obter um convite, mas tiveram seu pedido negado por terem feito a solicitação muito tarde.

Traficante ‘Avião’ pretendia fazer uma plástica e fugir do Brasil, diz polícia

Considerado o maior fornecedor de cocaína do Estado, Eduardo Herculano da Silva foi preso na última quarta-feira

O DIA|GABRIEL SABÓIA

Rio – Preso por policiais da 21ªDP (Bonsucesso) na noite da última quarta-feira, enquanto negociava a venda de mais uma carga de droga no Complexo da Maré, o traficante Eduardo Herculano da Silva, considerado o maior fornecedor de cocaína do Estado, afirmou que planejava fugir do País. De acordo com o delegado Delmir Gouveia, Avião, com ele é conhecido, disse em depoimento que tinha um plano para ficar irreconhecível e ir morar no exterior.

O traficante Eduardo Herculano da Silva, o Avião, será encaminhado para o Bangu 1 e depois transferido para um presídio de segurança máxima

Foto:  Divulgação / Disque Denúncia

“Ele (Avião) disse que se não fosse preso naquele momento, não seria encontrado mais. Ele afirmou que pretendia fazer uma plástica, lipoaspiração e fugir do Brasil”.

No momento em que foi preso, Avião estava escoltado por oito seguranças. Houve trocas de tiros, mas sem feridos. O delegado disse que o traficante confessou que as drogas vinham da Bolívia em pneus de caminhões em 150, 200 kg por vez. Ainda de acordo com a polícia, Avião se encontrava numa posição de destaque no tráfico, pois trabalhava de forma independente e distribuía as drogas para todas as favelas dominadas pela principal facção criminosa do Rio.

Contra Avião, havia oito mandados de prisão por tráfico, além de também estar sendo investigado por outros crimes. O traficante será encaminhado ainda nesta sexta-feira para o presídio Bangu 1 e depois será transferido para uma penitenciária de segurança máxima.

Menina de 11 anos volta para casa depois de uma semana desaparecida

DIÁRIO DA MANHÃ|DANIELLY SODRÉ

Júlia Beatriz Cabral Santos, de 11 anos, voltou para casa sozinha na tarde de segunda-feira (21) após ter ficado desaparecida por uma semana, em Natal. Segundo a família, a garota havia sido vista pela última vez no dia 15 de abril deixando o colégio onde estuda.

De acordo com Marta Santos, avó da menina, Júlia Beatriz contou que estava na casa de um homem no bairro de Felipe Camarão, na Zona Oeste da cidade. “Ela apareceu sozinha. Disse que estava na casa desse homem, mas não sabemos se ela foi levada até lá ou se foi por conta própria”, disse.

Ainda segundo a avó, a neta saiu de casa por volta das 6h40 na terça-feira (15). “São só 10 minutos para chegar à escola. Depois da aula, que acaba às 11h30, ela vai para um projeto do colégio junto com o primo e a irmã, mas desta vez não a encontraram”, relembrou Marta.

A família chegou a procurar a polícia e o Conselho Tutelar de Natal em busca da menina.

Menina Júlia Beatriz voltou para casa por conta própria. Foto:Arquivo Pessoal

Menina Júlia Beatriz voltou para casa por conta própria. Foto:Arquivo Pessoal

 

Pavel Durov, fundador do “Facebook russo”, deixa o país

AFP – Agence France-Presse

22/04/2014 

O fundador da maior rede social russa, VKontakte (VK), Pavel Durov, deixou a Rússia devido as suas relações conturbadas com as autoridades, anunciou nesta terça-feira, um dia após a VK aceitar sua demissão.

“Não estou na Rússia e não tenho a mínima intenção de voltar”, escreveu no site TechCrunch, especializado em informação sobre o setor tecnológico.

“Temo que não vá ocorrer volta atrás”, declarou ao TechCrunch. “Não depois que me neguei publicamente a cooperar com as autoridades. Não me suportam”.

Na quinta-feira, Durov anunciou que em dezembro se negou a entregar ao Serviço Federal de Segurança russo (FSB, ex-KGB) informação pessoal dos organizadores do grupo Euromaidan, epicentro do protesto pró-europeu na Ucrânia.

“Entregar informação pessoal sobre ucranianos às autoridades russas não apenas seria contra a lei, mas uma traição a estes milhares de habitantes da Ucrânia que confiam em nós”, explicou em sua página VK.

A rede social, que supera na ex-URSS seu concorrente americano Facebook com mais de 100 milhões de usuários, aceitou na segunda-feira a misteriosa demissão de seu fundador. Durov anunciou publicamente sua decisão no dia 1 de abril, antes de voltar atrás no dia seguinte, alegando que se tratava de uma piada.

Há vários meses, o fundador se opõe ao fundo de investimento United Capital Partners (UCP), que conta com 48% da VK e é acusado de ter utilizado os recursos da rede para criar no ano passado o aplicativo de mensagens instantâneas de grande sucesso Telegram, independente da rede social.

Trinta e dois internos fogem da Fundação Casa de Ribeirão

 
Estadão Conteúdo
Trinta e dois internos fugiram na madrugada de ontem da unidade da Fundação Casa de Ribeirão Preto. Até as 21h, apenas um adolescente havia sido recuperado – ele foi levado por sua mãe e um advogado.
 
A confusão começou por volta das 3h, quando um garoto pediu para ir ao banheiro. A cela foi aberta e o funcionário foi rendido pelos meninos que estavam armados com uma faca. 
 
Os garotos renderam os demais agentes – eram cinco na unidade -, que foram amarrados e trancados em um banheiro e na lavanderia. Com as chaves, 140 internos conseguiram deixar as celas e uma parte dos meninos chegou às ruas. A Fundação Casa abriu sindicância para apurar a fuga dos adolescentes.

Vídeo: Rio decreta ponto facultativo na próxima terça-feira em função de obras na cidade

Agência Rio de Notícias

Em função da interdição total de um trecho da Avenida Brasil, na altura de Ramos, para obras da Transcarioca e da interdição da Avenida Rodrigues Alves para implosão de mais um trecho do Elevado da Perimetral, a Prefeitura do Rio decretou ponto facultativo nas repartições municipais na próxima terça-feira (22). Serviços essenciais funcionarão normalmente e o decreto está publicado no Diário Oficial da última quinta-feira (17).

A Avenida Brasil será fechada totalmente ao trânsito nos dois sentidos na altura de Ramos a partir das 22h deste domingo, dia 20, e será reaberta às 10h de quarta-feira, dia 23, para instalação do arco do viaduto Prefeito Pedro Ernesto que faz parte do BRT Transcarioca.

Já no Centro, um trecho de 300 metros do Elevado da Perimetral, na altura da Praça Mauá, será implodido às 7h da manhã do domingo de Páscoa, dia 20. Após a implosão, equipes da prefeitura e da concessionária PortoNovo, empresa responsável pela execução das obras e prestação dos serviços públicos da Operação Urbana Porto Maravilha, farão a limpeza do trecho para a liberação da Avenida Rodrigues Alves. O serviço de retirada de entulho vai durar quatro dias e a previsão é de que a Rodrigues Alves seja reaberta às 5h de quinta-feira, dia 24.

“Dono” do site de FHC foge do caso de Lulinha

Imagem
A disputa entre os ex-presidentes Lula e Fernando Henrique Cardoso tem, também, um capítulo de natureza criminal ainda não esclarecido. O motivo: suspeita-se que boatos criminosos contra o filho de Lula, Fábio Luís Lula da Silva, partiram de IPs (endereços de registros de computadores) de Daniel Graziano, que vem a ser um dos administradores do site Observador Político, de FHC. Aliás, é no nome do próprio Graziano, filho de Xico Graziano, outro colaborador próximo de FHC, que o site está registrado.

A novidade é que, até agora, Daniel Graziano tem feito de tudo para não depor à polícia, segundo informações da colunista Sonia Racy, do jornal Estado de S. Paulo. Eis suas notas:

Diz que diz

Depois de ser intimado três vezes e não comparecer à polícia, Daniel Graziano assegura que prestará depoimento no próximo dia 29.

A nova intimação faz parte de inquérito aberto no 78o DP, no bairro dos Jardins, em outubro do ano passado. Pela defesa de Fábio Luis Lula da Silva, o Lulinha, filho do ex-presidente Lula.

Diz que diz 2

A apuração, que corre em segredo de Justiça, pretende identificar “os responsáveis pela circulação de boatos” contra ele nas redes sociais – entre os quais de que seria sócio da Friboi e dono de mansões, aviões e grandes áreas de terras, como o terreno onde está instalada a Escola Superior de Agricultura (Esalq), na cidade de Piracicaba.

Diz que diz 3

Graziano está entre seis intimados a prestar depoimentos. Os outros? Paulo Rogério Mendes Coelho, Adrito Dutra Maciel, Silvio Neves, Paulo Cesar Andrade Prado, e Sueli Vicente Ortega.

Graziano foi chamado para dar explicações sobre comentário postado no site Observador Político, do Instituto Fernando Henrique Cardoso.

Como é gerente administrativo do instituto, o site está registrado em seu nome.

Leia, abaixo, reportagem anterior do 247 sobre o caso, publicada em 18/10/2013:

IFHC NA MIRA POLICIAL DOS BOATOS CONTRA LULINHA

Site Observador Político tem grupo de discussão criado desde 19 de abril sobre falsa compra de fazenda de R$ 47 milhões por Fabio Luís Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula; página virtual com 31,1 mil seguidores no Facebook pertence ao Instituto Fernando Henrique Cardoso; coordenação é atribuída a Daniel Graziano, diretor da ONG que tem como figura central o ex-presidente tucano; polícia quer saber motivação para propagação da injúria e difamação

18 DE OUTUBRO DE 2013 ÀS 19:11

Marco Damiani_247 – Vai dizer que não é notícia? Só se não for para a mídia tradicional.

Na vida real, como 247 noticiou na semana passada, um inquérito policial está em andamento na 78ª DP, no bairro do Jardim Paulista, em São Paulo, para apurar as origens e as fontes de propagação nas redes sociais, em sites e blogs de informações falsas sobre Fábio Luís Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula. Ele vem sendo vítima de injúria e difamação, por meio da atribuição de compras de um jatinho e uma fazenda e associação com um grande frigorífico.

Agora, o caso acaba de ganhar mais um elemento explosivo. A polícia já sabe que um dos endereços eletrônicos de disseminação das mentiras contra Lulinha, como Fábio é conhecido, é o site Observador Político: http://www.observadorpolitico.org.br

No registro.com, órgão que armazena informações sobre a titularidade das páginas virtuais, a propriedade do Observador Político é dada ao iFHC, o elegante Instituto Fernando Henrique Cardoso, no centro de São Paulo.

Entre móveis de época que contrastam com amplos salões pelos quais desfila a nata da social-democracia mundial, em debates de alto nível intelectual, claro, o iFHC também possui o site que estimula discussões sobre diferentes temas, sempre propostos por internautas devidamente cadastrados em suas páginas de triagem.

Desde 19 de abril deste ano – e no ar ao menos até 18h30 desta sexta-feira 18 -, um dos temas publicados para o debate tem o seguinte título:

Enquanto o DESgoverno do PT distribui migalhas para os pobres Lulinha compra fazenda de 47 mi.

Lançada na rede com a assinatura “Deleted User” – usuário deletado -, a nota que se soma a muitas outras, em outros endereços eletrônicos, de ataque ao filho de Lula, é aberta assim:

Novo Mega Campeão do Brasil de enriquecimento súbito é o proprietário desta Fazenda. Fazenda Fortaleza comprada e certificada em Cartório de Registro de Imóveis .

Proprietário: FÁBIO LUIS LULA DA SILVA (isso mesmo)

Propriedade: Fazenda na região de Valparaíso/SP

Preço: 47 milhões de reais

Ao lado da publicação, a pergunta feita pelo Observador Político é: o que você tem a dizer?

Entre os dez comentaristas que entraram nesse debate, o que assina “mario jota” demarcou, no mesmo dia da postagem, que “cabe ao filho do Lula desmentir”.

No entendimento do advogado de Fabio Lula, Cristiano Zanin Martins, não é tão simples assim. O Código Penal pode punir com o mesmo rigor os que originam uma injúria e difamação e os que a multiplicam.

“Não há diferença entre quem cria um boato, uma mentira, e quem os passa adiante”, disse Martins ao 247. “Os dois polos que divulgam informações manifestamente falsas podem ser punidos igualmente”.

O advogado esclarece que, no caso das falsas notícias veiculadas contra Lulinha, o problema não está em qualquer tipo de opinião contra a figura dele. “Não queremos censurar nada, mas sim repor a verdade e barrar a mentira. A honra dele foi atacada por esse continuado bullying eletrônico”.

247 procurou, no Instituto FHC, o dirigente Daniel Graziano, mas a atendente Valéria informou que ele não estava. O recado com o número de telefone da reportagem ficou lá.

É certo que responsáveis pelo Observador Político serão ouvidos pela polícia paulista. Caso a investigação caminhe para cima, no ponto mais alto da hierarquia do Instituto está o próprio ex-presidente Fernando Henrique, sem dúvida o maior contrário político ao ex-presidente Lula.

Isso pode mesmo acontecer?

“Talvez, mas nós preferimos não trabalhar com a teoria do domínio do fato”, ressalvou o advogado Martins. “A polícia, que já tem as provas da materialidade do crime, saberá como agir”, confia ele.

Para julgar melhor a dimensão do fato em investigação, imagine, por um momento, uma troca de personagens: o site do Instituto Lula alimentando debates com uma noticia falsa sobre o filho do ex-presidente FHC, Paulo Henrique Cardoso. Algo como a compra, por ele, de uma fazenda de R$ 47 milhões.

Daria manchete?

Fonte: Brasil247

noticias gerais e, especificamente, do bairro do Brás, principalmente do comércio