Arquivo da tag: Grupo A

Neymar brilha, Fred desencanta e Brasil vai encarar o Chile nas oitavas de final

Seleção vence Camarões em Brasília, se classifica em primeiro no Grupo A e volta a campo no próximo sábado, no Mineirão
O DIA

Brasília – Vai, Brasil! A Seleção deixou para trás o empate com o México na segunda rodada e despachou de vez a equipe de Camarões para garantir a classificação para as oitavas de final e o primeiro lugar do Grupo A. O dia foi como Felipão queria: Neymar brilhou e Fred quebrou o jejum de gols. Fernandinho saiu do banco e foi o responsável por cravar o placar final: 4 a 1 para os anfitriões.

A vitória faz o Brasil conquistar o objetivo: terminar a primeira fase na liderança do Grupo A. Agora, o próximo compromisso é às 13h do próximo sábado. O duelo pelas oitavas de final será no Mineirão e o próximo desafiante é o surpreente Chile, que terminou em segundo lugar no Grupo B. Camarões, que já havia sido eliminado antecipadamente, já está de malas prontas para deixar o Mundial.

Fred desencanta e faz o terceiro do Brasil no Estádio Nacional

Foto:  André Mourão

O Brasil começou a partida a todo vapor. Buscando o ataque desde o primeiro minuto, a Seleção teve uma grande chance logo aos dois minutos, mas a bola rebatida pela zaga camaronesa evitou que Luiz Gustavo marcasse para o Brasil.

A seleção brasileira tinha mais volume de jogo, mas Camarões não se intimidava e também partia para cima dos anfitriões: o grande susto foi salvo por Marcelo. A pressão, no entanto, começou a virar e os africanos chegavam com perigo na área do Brasil, que parecia estar perdido taticamente.

A resposta veio com Neymar. Menos de dois minutos após ser empurrado fora do lance de jogo, o craque aproveitou boa roubada de bola e cruzamento de Luiz Gustavo e, livre, só deslocou o goleiro Itandje para abrir o placar em Brasília: o centésimo gol da Copa do Mundo.

O ritmo da partida acelerou e o clima também. Neymar voltou a protagonizar um lance polêmico após ser puxado e tentar revidar sobre o adversário. Na continuidade do lance, Fred ficou no quase após cruzamento de Paulinho. Jogo quente no Estádio Nacional e ainda mais agitado quando Camarões conseguiu o empate. Primeiro uma cabeçada na trave e, em seguida, Nyom deixou Daniel Alves para trás e cruzou rasteiro para o meio da área: Livre, o zagueiro Matip só empurrou para o gol de Julio Cesar.

Seleção vibra e vai com tudo para as oitavas de final da Copa do Mundo

Foto:  Ernesto Carriço

Ter alcançado o empate fez Camarões partir ainda mais para o ataque. O gol sofrido deixou a equipe brasileira confusa e, enquanto isso, os africanos buscavam a virada a todo instante. Mas foi o diferencial brasileiro que mostrou serviço. Neymar voltou a brilhar, arrancou após passe de Marcelo e bateu da entrada da área no contrapé de Itandje. Vantagem brasileira e nova marca para o camisa 10, que igualou Tostão e Ronaldinho Gaúcho ao fazer seu 35º gol pela seleção brasileira.

FOTOGALERIA: Brasil despacha Camarões e vai encarar o Chile nas oitavas

O segundo tempo também começou agitado e o Brasil voltou a se postar mais ofensivo. Hulk teve boa chance, mas acabou travado. E, no lance seguinte, Neymar cobrou falta direto e fez o goleiro camaronês fazer grande defesa. Mas não demorou muito para a Seleção ampliar a vantagem. Fernandinho acertou mais uma boa jogada e, após cruzamento de David Luiz, Fred cabeceia e quebra o jejum de gols. Muita festa do camisa 9.

O terceiro gol fez o ritmo de jogo ser reduzido. O Brasil passou a administrar o resultado, mas não abria mão de buscar o ataque. Por precaução, Felipão optou na saída de Neymar e promoveu a entrada de Willian. Mesmo com a vantagem no placar, a Seleção não conseguiu fugir dos sustos. Daniel Alves foi o primeiro a preocupar após sofrer falta de Salli e, minutos depois, Luiz Gustavo deixou o campo com dificuldades após sofrer um pisão na perna.

Mas o Brasil podia mais. Se a vitória do México ainda assustava a Seleção quanto à posição brasileira no Grupo A, Fernandinho fez questão de espantar o fantasma. Aos 39 minutos, o volante aproveitou triangulação do ataque brasileiro e fechou o placar no Estádio Nacional. A torcida grita “Olé”, o árbitro apita e o Brasil garante a vaga. Que venham as oitavas…

Neymar brilhou e marcou os dois primeiros gols do Brasil no Estádio Nacional

Foto:  André Mourão

 

FICHA TÉCNICA

Camarões 1×4 Brasil

Estádio: Estádio Nacional (Brasília) 
Árbitro: Jonas Eriksson (Suécia) 
Público: 
Gols: Neymar (16′ do 1ºT e 35′ do 1ºT), Matip (26′ do 1ºT), Fred (4′ do 2ºT), Fernandinho (39′ do 2ºT) 
Cartão amarelo: Enoh e Mbia (Camarões) 
Cartão vermelho: 

Camarões: Itandje, Nyom, N’Koulou, Matip, Bedimo; Makoun, Nguemo, Enoh; Aboubakar, Moukandjo (Salli), Choupo-Moting (Makoun). Técnico: Volker Finke.

Brasil: Julio Cesar, Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz, Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho (Fernandinho), Oscar, Hulk (Ramires), Neymar (Willian), Fred. Técnico: Felipão.

México vence a Croácia com autoridade e carimba vaga para as oitavas de final

Com resultado, “La Trí” encara a toda poderosa Holanda na próxima fase da Copa do Mundo

O DIA

Pernambuco – A valentia e a aplicação tática fizeram a diferença na Arena Pernambuco na tarde desta segunda-feira. Bem postados defensivamente e sabendo atacar na hora certa, os mexicanos souberam administrar o calor e o emocional durante a partida e venceram com autoridade e merecimento a Croácia por 3 a 1 e conquistaram uma vaga para a próxima fase da Copa do Mundo. Com o resultado, “La Trí” terá pela frente a toda poderosa Holanda no próximo domingo, no Castelão, às 13h

Já os croatas se despedem da competição com apenas três pontos conquistados na fase de grupos da competição. Desde a edição de 1998, quando foi até as semifinais da Copa do Mundo, a seleção européia não consegue passar para o mata-mata da competição.

México conquistou a vaga para as oitavas de final

Foto:  Reuters

O JOGO

Em uma partida na qual o vencedor sairia com a vaga para a próxima fase da Copa do Mundo, não haveria outra maneira do jogo desenrolar a não ser de forma aberta. E foi assim desde os primeiros minutos da do primeiro tempo. Croácia e México buscaram o ataque de forma insistente. Os europeus se utilizavam da herança da escola iugoslava e aproveitavam o toque de bola, já os mexicanos usaram a mesma estratégia da partida contra o Brasil: uma defesa forte e bem fechada aliado a um contra-ataque rápido e perigoso.

Aos 13, minutos, após cobrança de escanteio, Srna pegou a sobre e cruzou na área, Olic cabeceou para o meio e Aguilar apareceu antes de Mandzukic para salvar os mexicanos. Vendo a chance de perigo, o México quase deu uma resposta em grande estilo dois minutos depois. Após boa troca de passes no meio campo, Herrera recebeu de Peralta e soltou uma bomba de fora da área que acabou explodindo no travessão de Pletikosa. Na sequência, mais uma chance de perigo para “La Trí”. Herrera dá um passe primoroso para Peralta, mas o atacante escorregou cara a cara com o goleiro croata.

México teve boas chances para marcar

Foto:  Carlos Moraes

A Croácia tomava iniciativa do jogo e tinha 61% de posse de bola, mas não encontrava muito espaço na forte defesa mexicana. Restava aos europeus o chute de fora da área. E assim o placar quase foi aberto. Com 27 minutos, Pranjic pegou a sobra de bola, arriscou de fora da área, mas a bola passa por cima do gol de Ochoa levando perigo. A retranca mexicana começou a irritar os croatas, pois o número de faltas começava a aumentar. Aos 38, Perisic puxa contra-ataque e Rafa Marques fez falta dura por trás e acabou sendo punido com o cartão amarelo, os mexicanos reclamavam de toque de mão no lance anterior.

Dois minutos depois, os tricolores chegaram com perigo mais uma vez. Herrera invadiu a área em velocidade e rolou para trás, Layún chegou chutando mas corluka colocou para escanteio. Na cobrança, Aguilar desviou a bola na primeira trave, mas Moreno fez falta em Pletikosa. Os jogadores desentenderam, mas o abitro contornou a situação. No fim do primeiro tempo, ainda mais tensão entre os dois times. Guardado fez falta dura em Srna, os jogadores se estranharam e o arbirto chamou a atenção dos jogadores.

No segundo tempo, os ânimos continuaram exaltados e o emocional era fator fundamental para a seleção que desejava passar a diante na Copa do Mundo. O México aumentava cada vez mais o seu ferrolho defensivo enervava os croatas, que não tinham muitas chances de marcar o tão sonhado gol da classificação. A valentia da marcação mexicana foi recompensada em relação a falta de efetividade dos europeus.

As chances dos croatas foram sumindo no segundo tempo, e os mexicanos conseguiram achar mais espaço no seu campo ofensivo. Aos 19 minutos La Trí quase marcou um gol olímpico. Herrera fez cobrança de falta fechada, bola passou por Pletikosa, e Corluka salvou a Croácia. A medida que o jogo ia chegando no final, o clima de Pernambuco ia fazendo efeito sobre os croatas, parecia que lhe faltavam pernas, enquanto os mexicanos estavam cheios de disposição.

Aos 25, o México explodiu de alegria! Herrera cobrou escanteio, Rafa Márquez subiu mais alto que Corluka e cabeceou para o chão. Pletikosa ainda tocou na bola tentando defender, mas não evitou o gol mexicano. Cirúrgicos, os mexicanos trataram de resolver a fatura! Três minutos depois do primeiro tento eles foram novamente às redes. Chicharito Hernández abriu a bola para Peralta, que cruzou rasteiro para Guardado bater com categoria para fazer o segundo gol do México.A Torcida foi à loucura na Arena Pernambuco.

Como

FICHA TÉCNICA

CROÁCIA 0X3 MÉXICO

Estádio: Arena Pernambuco (Recife) 
Árbitro: Ravshan Irmatov (Uzbequistão) 
Gols:  Rafa Márquez, Guadardo, Javier Hernandez 
Cartão Amarelo: Ratkic (08’1T) (Croácia), Rafa Marques (38’1T) 
Cartão Vermelho:

Croácia: Pletikosa, Vrsaljko(Kovacic 12′ 2T), Pranjic, Perisic, Corluka, Lovren, Rakitic, Modric, Srna, Mandzukic, Olic.

Técnico: Niko Kovac

México: Ochoa, Rodriguez, Marquez, Herrera, Layun, Dos Santos, Moreno, Guardado, Peralta, Aguilar, Vazquez.

Técnico: Miguel Herrera

Felipão ironiza declaração de técnico holandês: ‘É burro ou mal-intencionado’

Treinador brasileiro reagiu a acusações de que o Brasil estaria sendo favorecido pela Fifa: ‘Eu prefiro enfrentar a Espanha’

O DIA

Brasília – Quando o Brasil entrar em campo contra Camarões, a Seleção já saberá qual equipe do Grupo B vai enfrentar, caso se classifique em primeiro ou segundo lugar da sua chave. O fato de os jogos do Grupo A acontecerem depois da definição da chave de Holanda e Chile irritou o treinador da Laranja Mecânica, Louis Van Gaal. O europeu criticou o critério da Fifa e disse que isso beneficia os brasileiros. Em entrevista coletiva, neste domingo, em Brasília, Felipão respondeu as acusações de favorecimento ao time verde e amarelo.

Felipão criticou treinador holandês

Foto:  Divulgação

“Eu prefiro a Espanha. Já não está mais aqui. Seria W.O. Primeiro, temos de pensar que temos de ganhar amanhã (segunda-feira), temos de classificar. Alguns se manifestam dizendo que vamos escolher adversários. Ou são burras, ou mal-intencionadas. Se perdermos, nós não classificamos. Não temos de escolher ninguém”, disse o brasileiro.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da seleção brasileira na Copa do Mundo

 

Precisando de um empate para garantir a sua vaga no Grupo A, o Brasil volta aos gramados nesta segunda-feira diante de Camarões, às 17 horas, em Brasília. Para se classificar em primeiro lugar, a Seleção precisa vencer os africanos e torcer para que os mexicanos não derrotem a Croácia por uma diferença de gols superior ao da vitória brasileira no Distrito Federal.

Jogadores da Croácia são flagrados nus em hotel na Bahia

Fotos causaram irritação na delegação croata que proibiu as entrevistas coletivas após o treino deste domingo

O DIA

Rio – Apesar da irritação com o erro da arbitragem na derrota diante do Brasil, por 3 a 1, a seleção croata aproveitou o sábado de folga no hotel em Mata de São João, na Bahia. Os jogadores foram flagrados pelo site “24 Sata” tomando banho de piscina nus, em um ambiente de total descontração. Nas fotos, é possível reconher os atletas Dejan Lovren, Luka Modric e Srna.

A repercussão do episódio causou revolta nos croatas. Neste domingo, as entrevistas coletivas foram canceladas. O treino da Seleção ocorre às 17h, no Centro de Treinamento de Praia Forte. Na terça, o grupo segue em direção a Manaus para fazer reconhecimento do gramado da Arena Amazônia. Na quarta, a equipe enfrenta Camarões, às 19h, no estádio.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

 

Croatas foram flagrados nus na Bahia

Foto:  Reprodução 24 Sata

Croatas ficaram indignados com o flagra e não vão falar com a imprensa neste domingo

Foto:  Reprodução 24 Sata