Arquivo da tag: líder

EUA: Obama lidera lista de piores presidentes

33% das pessoas interrogadas encaram Barack Obama como o pior líder dos últimos 70 anos

Aprovação do trabalho de Obama se aproxima do mínimo histórico de cerca de 40% / Mandel Ngan / AFPAprovação do trabalho de Obama se aproxima do mínimo histórico de cerca de 40%Mandel Ngan / AFP

Nova pesquisa divulgada nesta quarta-feira (2) mostra que o presidente Barack Obama, que passa por um segundo mandato difícil, lidera a lista dos piores presidentes dos Estados Unidos desde a Segunda Guerra Mundial.

O levantamento, feito pelo instituto de pesquisas da Universidade de Quinnipiac, revelou que 33% das pessoas interrogadas encaram Obama como o pior líder dos últimos 70 anos. Já 28% escolheram seu antecessor, o republicano George W. Bush.

O instituto informou que 35% das pessoas consideram o republicano Ronald Reagan, presidente de 1981 a 1989, como o melhor líder dos Estados Unidos desde 1945, enquanto 18% escolheram Bill Clinton e 15% apontaram John F. Kennedy.

“No período de 69 anos de história americana e 12 presidências, o presidente Barack Obama se encontra com o presidente George W. Bush na parte inferior do índice de popularidade”, declarou Tim Malloy, diretor-assistente de pesquisa para a Universidade de Quinnipiac.

45% dos entrevistados disseram que teria sido melhor para os Estados Unidos se o republicano Mitt Romney tivesse vencido as eleições de 2012, enquanto 38% afirmam que o país estaria pior.

Os presidentes normalmente atraem mais críticas enquanto estão no cargo, e muitos acreditam que seu período na Casa Branca é reavaliado quando eles se aposentam e se afastam do amargo fogo cruzado partidário de Washington.

Bush, que era profundamente impopular no final de seu segundo mandato, viu seus índices de popularidade melhorarem nos últimos anos. Outros, como Clinton, eram populares no fim de sua presidência e viram suas avaliações entre a opinião pública continuarem fortes.

A pesquisa parece mostrar uma propensão às críticas entre os presidentes mais recentes. Apenas 13% disseram que Richard Nixon, que renunciou em desgraça, foi visto como o pior presidente. Já Jimmy Carter, um democrata cuja presidência de 1981 a 1985 é frequentemente ridicularizada, foi encarado como o pior presidente por apenas 8%.

A pesquisa Quinnipiac confirma outros estudos recentes, mostrando que a aprovação do trabalho de Obama se aproxima do mínimo histórico de cerca de 40%.

Uma série de controvérsias políticas e crises de política externa têm manchado a reputação do presidente. A pesquisa apontou que 54% dos eleitores acreditam que a administração Obama não é competente para governar, contra 44%.

Além disso, apenas 40% das pessoas interrogadas aprovaram como Obama está lidando com a economia e 37% apoiaram sua gestão da política externa.

A pesquisa foi realizada entre 20 e 24 junho com 1.446 eleitores registrados e tem uma margem de erro de 2,6 pontos percentuais para mais ou para menos.

Líder de grupo sunita iraquiano promete vingar “erros” contra os muçulmanos

DUBAI (Reuters) – O líder do Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL), Abu Bakr al-Baghdadi, jurou vingança contra o que qualificou como erros cometidos contra os muçulmanos e pediu aos combatentes islâmicos que os vinguem.

Baghdadi falou pela primeira vez desde que seu grupo mudou de nome –passando a denominar-se Estado Islâmico– e o alçou ao posto de califa do mundo muçulmano.

Ele também fez um chamado aos muçulmanos para que emigrem para o “Estado islâmico”, dizendo que isso é uma obrigação.

(Por Yara Bayoumy)

Líder de milícia líbia suspeito de ataque a Benghazi chega aos EUA, diz mídia

WASHINGTON (Reuters) – O líder da milícia líbia, suspeito do ataque em 2012 à missão diplomática dos Estados Unidos em Benghazi que matou quatro norte-americanos, chegou a Washington no sábado de manhã, segundo relatos da mídia.

Ahmed Abu Khatallah foi trazido para a corte federal em Washington de um navio de guerra da Marinha, onde ficou mantido desde que foi capturado no início deste mês, disseram a CNN e o The New York Times.

(Por Doina Chiacu)

Líder do PCC é executado a tiros na porta de casa em São Vicente

A Tribuna|Eduardo Velozo Fuccia

Apontado pela Polícia Civil como liderança do Primeiro Comando da Capital (PCC) na Vila São Jorge, em São Vicente, onde reside, o ex-presidiário Carlos Roberto Macedo Garcia, o Carlinhos, de 34 anos, foi executado a tiros, na frente de sua casa, por dois homens que ocupavam um carro vermelho.

O homicídio aconteceu por volta das 23 horas de segunda-feira, cerca de meia após Carlinhos ser abordado para averiguação por um sargento da Polícia Militar. Segundo o policial, o averiguado e outro homem estavam em “atitude suspeita”, mas ambos foram liberados porque não portavam nada de irregular e não possuem contra si mandado de prisão.

De acordo com a mulher de Carlinhos, ele estava na frente da residência do casal, na Rua Leonor Mendes de Barros, quando chegou no local o automóvel vermelho e dele desembarcam dois homens. A dupla estava encapuzada, anunciou assalto e começou a disparar, sem que nada roubasse.

Assustada, a mulher do ex-detento ingressou no imóvel correndo junto uma filha menor de idade do casal. No caminho, elas escutaram mais disparos, que provocaram a morte de Carlinhos no próprio local, conforme constatou uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Histórico

No dia 24 de agosto do ano passado, um desconhecido passou de moto na frente da casa de Carlinhos e baleou no abdômen a mulher do ex-presidiário. Naquela ocasião, o suposto integrante do PCC disse que estava dentro da residência no momento dos disparos e alegou ignorar a autoria do atentado por não ter inimigos.

Conhecido nos meios policiais por causa de sua ligação com o tráfico de drogas, Carlinhos teve a moradia revistada no último dia 19 de março por policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG). Os agentes checavam denúncia anônima segundo a qual o ex-detento estaria envolvido em ataques a caixas eletrônicos.

Carlinhos não estava na casa, mas nela a equipe da DIG apreendeu quatro celulares, a quantia de R$ 3,8 mil e folha com anotações de nomes e valores supostamente relacionadas a alguma atividade ilícita.

noticias gerais e, especificamente, do bairro do Brás, principalmente do comércio