Arquivo da tag: primeiro trimestre

PIB dos EUA contrai 2,9% no primeiro trimestre de 2014

AFP – Agence France-Presse

25/06/2014 

A economia dos Estados Unidos encolheu 2,9% no primeiro trimestre de 2014, muito mais do que o esperado, e marcando a maior queda no PIB em cinco anos, de acordo com a estimativa revisada do Departamento de Comércio divulgada nesta quarta-feira.

Depois de um aumento de 2,6% no último trimestre de 2013, o Produto Interno Bruto (PIB) caiu 2,9% entre janeiro e março, enquanto que os analistas esperavam uma contração de 1,8%.

Esse número representa uma deterioração substancial em relação à estimativa anterior publicada em maio, indicando uma diminuição muito menos pronunciada (1,0%), a primeira da economia americana nos últimos três anos.

A contração da maior economia do mundo é, aliás, a mais intensa desde os primeiros três meses de 2009, num momento em que os Estados Unidos lidava com a recessão pós-crise financeira.

Os dados, no entanto, não se traduzem em um retorno à recessão, que é tecnicamente definida como dois trimestres consecutivos de queda do PIB.

Esse cenário, no entanto, não parece ser vislumbrado no horizonte: o Federal Reserve (Fed, banco central) prevê um aumento significativo na atividade no segundo trimestre.

Portugal Telecom sai de lucro para prejuízo no 1º trimestre

A Portugal Telecom (PT) registrou um prejuízo líquido no primeiro trimestre após um lucro no mesmo período do ano passado, atingida por receitas menores, perdas cambiais e custos extraordinários de sua fusão com a brasileira Oi.

O prejuízo líquido da PT totalizou 15 milhões de euros (US$ 20,6 milhões de dólares) enquanto no ano passado a companhia teve um lucro de 27 milhões de euros. A receita caiu quase 4% para 690 milhões de euros, disse a companhia, enquanto que o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) caiu 3,7%, para 279 milhões de euros.

A companhia disse que a queda na receita foi causada por um declínio no negócio de telecomunicações português, impactado por preços e concorrência acirrada, e uma contribuição menor de operações internacionais como a MTC da Namíbia, a Unitel da Angola e a Timor Telecom.

A PT também disse que teve “despesas financeiras principalmente relacionadas a certos serviços bancários e outros custos incorridos relacionados à fusão de negócios entre a PT e a Oi”, o que afetou o lucro.

A PT está no processo de combinar negócios com a operadora brasileira de linha móvel e fixa Oi, na qual a PT detém uma grande fatia, para formar uma nova companhia com mais de 100 milhões de assinantes.



Autor/Fonte: Terra