Arquivo da tag: REVISTA

Estudo confirma predisposição genética à esquizofrenia

Estudo sobre nova técnica para tratar da esquizofrenia foi publicado no site da revista 'Nature'.

Estudo sobre nova técnica para tratar da esquizofrenia foi publicado no site da revista ‘Nature’.

Um estudo publicado nesta terça-feira (22) na revista britânica Natureidentificou mais de cem variações genéticas associadas com o risco de desenvolver esquizofrenia. A pesquisa aponta novas pistas para a compreensão das causas desta doença complexa e formas de tratá-la com mais eficiência.

 

O estudo, realizado por um consórcio internacional de geneticistas, é o maior realizado até hoje na área da psiquiatria. Contou com a participação de 150 mil indivíduos, incluindo 37 mil pacientes.

A partir de 80 mil amostras, os cientistas identificaram 128 variedades genéticas independentes, em 108 regiões precisas do genoma humano, sendo 83 delas inéditas e suscetíveis de contribuir a uma predisposição para a doença. A maioria destas variações tem relação com genes envolvidos na transmissão de informação entre os neurônios e as funções essenciais da memória e da aprendizagem.

A esquizofrenia, que geralmente aparece na adolescência ou em jovens adultos, afeta mais de 24 milhões de pessoas no mundo. A doença se manifesta por meio de crises agudas de psicose, podendo incluir alucinações e delírios, bem como sintomas crônicos que resultam em problemas emocionais e intelectuais.

Atualmente, existem tratamentos disponíveis, mas a sua eficácia deve ser melhorada, enfatizam os pesquisadores. Os medicamentos tratam os sintomas da psicose, mas têm pouco efeito sobre a diminuição da capacidade cognitiva dos pacientes.

Outras associações observadas entre genes relacionados com a imunidade e o risco de esquizofrenia reforçam a hipótese de uma ligação entre a doença e uma disfunção do sistema imune.

“Estes novos resultados poderiam encorajar o desenvolvimento de novos tratamentos para a esquizofrenia”, acredita Michael O’Donovan, da Universidade de Cardiff, no Reino Unido, responsável pela pesquisa.

“O estudo confirma que a genética é um fator importante na doença”, dizem os especialistas associados ao projeto.

Neymar ganha ação e Justiça suspende venda de revista Playboy

De A Tribuna On-line

N/A

Revista com a foto da jovem não poderá ser vendida

O atacante Neymar ganhou na Justiça uma ação que movia contra a revista Playboy, que na edição deste mês, usava seu nome sem autorização. A 3ª Vara Cível da Capital determinou a suspensão imediata da venda de novos exemplares.

Nota publicada nesta quarta-feira no site do jogador diz que a publicação masculina divulgou “uma mentira sobre a vida pessoal” do atacante, além de utilizar seu nome sem autorização da NR Sports, empresa detentora dos direitos de exploração da imagem, nome e seus atributos.

Também foi determinado à Editora Abril, a retirada de todos os exemplares que já estão à disposição do consumidor.

A revista Playboy, que traz a capa intitulada “A Morena que Encantou Neymar”, também não poderá ser veiculada de forma publicitária.

Caso a decisão judicial não seja cumprida, a editora poderá ser multada no valor de R$ 10 mil por dia.

A capa da revista Playboy de junho traz a morena Patrícia Jordane. Ela afirma ter tido um relacionamento com Neymar na virada do ano de 2012 para 2013.

Advogado se irrita com método de segurança e abre calça em fórum no AM

No momento da revista, homem perguntou a funcionária se ela queria que ele tirasse a roupa

O DIA

Amazonas – O advogado Gefson Oliveira se irritou com os métodos de segurança do Fórum Trabalhista de Manaus e começou a abrir a calça na frente da funcionária que estava lhe revistando. A cena foi flagrada nesta quarta-feira por câmeras de segurança do local.

No ato, quando Gefson passou pelo detector de metais o dispositivo apitou e a funcionária solicitou o uso do bastão para revistá-lo. Irritado o advogado começou abrir o zíper para a segurança e outras pessoas que estavam a sua volta.

Gefson Oliveira abre calça para a segurança mulher e outras pessoas a sua volta

Foto:  Divulgação / TRT

Segundo Gefson, promotores e desembargadores não passam pela revista. Além disso, o advogado relatou que agiu desta forma porque estava atrasado para uma audiência e que já tinha depositado todos os seus objetos no momento da revista, sendo assim perguntou a funcionária se ela queria que ele tirasse a roupa.

O diretor do Fórum denunciou o ato do advogado ao Tribunal de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

noticias gerais e, especificamente, do bairro do Brás, principalmente do comércio