Arquivo da tag: Rio Grande do Sul

Arrastado por quase dois quilômetros, ciclista morre atropelado em Sapiranga

Estadão Conteúdo

Um ciclista morreu em acidente no qual foi atropelado e arrastado por quase dois quilômetros em Sapiranga, na região metropolitana de Porto Alegre, na noite deste sábado. A vítima pedalava na ERS-239 quando foi atingida por um veículo e caiu na pista, onde foi colhida por outro automóvel. 
 
O condutor disse à polícia que só percebeu que havia um homem pendurado ao veículo quando parou em um posto de combustíveis. O nome dos envolvidos no acidente não havia sido divulgado até a tarde deste domingo.

Alunos passam a noite em ônibus após cheia de rio no Alto Uruguai

Coletivo não conseguiu passar pela ERS 211, na cidade de Paulo Bento

Um grupo de 30 alunos que retornava de aulas da Universidade Regional Integrada (URI), da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) e de escolas de Erechim foi obrigado a passar a noite em um ônibus após a cheia do rio Erechim, na cidade Paulo Bento, no Alto Uruguai. O coletivo trafegava pela ERS 211 na noite dessa quinta-feira quando não conseguiu passar por causa da enchente, ocasionada pelas fortes chuvas. 

Segundo o prefeito do município, Gelsi Luiz Lodea, um segundo ônibus foi providenciado para buscar os alunos por outro acesso à estrada. Na manhã desta sexta, a passagem de veículos pela ERS 211 continuava fechada. “Estamos isolados de Erechim”, disse Lodea. 

Todas as aulas em Paulo Bento foram suspensas. As lavouras que já tinham sido plantadas com trigo, aveia e cevada foram arrasadas pelas águas. Nas áreas baixas tudo ficou sob a água e onde foi plantado em áreas mais altas a chuva levou. 

Lodea irá se reunir com a comissão municipal de Defesa Civil para avaliar os prejuízos. Ele não descarta decretar situação de emergência após o levantamento dos danos. No início da semana, houve relato de agricultores que perderam animais, levados pelo rio Jacutinga. “O que estava às margens do rio se foi” resumiu o prefeito. 

Cheia em Aratiba atinge pontes 

O prefeito de Aratiba, Luiz Ângelo Poletto, disse que há 20 ou 30 anos os rios Agulha e Lobo, que passam pela cidade, não saíam dos seus leitos, algo que ocorreu nessa quinta-feira. Segundo Poletto, nos últimos três dias choveu 398 milímetros em Aratiba que fica a 18 quilômetros da Usina Hidrelétrica Itá. 

Conforme o prefeito nesta sexta-feira os rios baixaram e retornaram ao leito, mas o problema está nas pontes e pontilhões do interior. Equipes da prefeitura estão fazendo levantamentos para saber das condições dessas passagens. “Temos trânsito de muitos caminhões com cargas pesadas, com suínos, aves e leite, e temos que ver como ficaram as pontes do interior”, disse Poletto. Todos os pontilhões foram encobertos pela água na quinta. As aulas no município também foram canceladas nesta sexta.

Fonte:Correio do Povo| José Ody  

Cresce número de desabrigados no RS

27/06/2014

Porto Alegre, 27 – O número de pessoas que tiveram de deixar suas causas temporariamente por causa de enchentes no Rio Grande do Sul subiu de 817 na quinta-feira para 1.593 ao amanhecer desta sexta-feira. O levantamento é da Defesa Civil, que também indica que há 30 municípios afetados pelo fenômeno, todos localizados em regiões próximas aos rios Uruguai e afluentes, no norte e noroeste, na divisa com Santa Catarina e fronteira com a Argentina.

O nível do Uruguai subiu 13 metros. Pelo menos duas passagens pelo rio estão interrompidas. Uma é pela ponte entre Nonoai e Chapecó (SC). A outra é a travessia de balsa entre Porto Mauá e Alba Posse, na Argentina. A enchente deve chegar a municípios mais ao sul, como São Borja, Itaqui e Uruguaiana nos próximos dias, à medida em que as águas descerem pelo curso do rio. As previsões meteorológicas indicam que haverá mais chuva no noroeste do Rio Grande do Sul e oeste de Santa Catarina pelo menos até segunda-feira.

Acidente mata argentino que voltava do jogo no RS

27/06/2014

Porto Alegre, 27 – A colisão de um veículo Fiat Uno com um trator matou um homem e deixou outros quatro feridos no início da noite desta quinta-feira, 26, no mais grave acidente ocorrido com turistas argentinos no Rio Grande do Sul desde o início da Copa do Mundo. Quatro argentinos estavam no automóvel em viagem de volta ao país vizinho depois de visita a Porto Alegre, onde a Argentina venceu a Nigéria por 3 a 2 na quarta-feira (25).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, havia pouca visibilidade e o carro bateu na traseira do trator, que não poderia estar na rodovia. Um dos passageiros, identificado como Miguel Frazetto, de 73 anos, morreu no local. Os outros três estão internados na Santa Casa de Misericórdia de Uruguaiana. Um deles, com múltiplos traumatismos, será submetido à cirurgia. Os outros dois, um com fratura em um braço, e outro com escoriações, estão em condições de ter alta, mas, para isso, dependem de trâmites burocráticos a cargo de autoridades argentinas. O boletim da Polícia Rodoviária registrou que o condutor do trator, brasileiro, também sofreu ferimentos, mas não procurou atendimento hospitalar.

 

Mãe e recém-nascida raptada têm alta de hospital de Porto Alegre

Bebê foi localizado pela polícia mais de nove horas após o crime

Família mora no bairro Sarandi<br /><b>Crédito: </b> Álvaro Grohmann / Especial / CP
Família mora no bairro Sarandi 
Crédito: Álvaro Grohmann / Especial / CP

Por volta das 10h desta quarta-feira, Viviane Casagrande, 35 anos, e a filha recém-nascida Bárbara, que foi raptada do Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre e localizada mais de nove horas após o crime, receberam alta. A menina tem 49cm e pesa 2,180Kg. O marido e pai do bebê, Magnun Lefa, 31 anos, deixou o hospital com as duas. O casal mora no bairro Sarandi.

• Delegado questiona atuação da BM em rapto de bebê

Viviane relatou que o primeiro sentimento foi de felicidade por ter dado à luz a menina, uma criança muito desejada. Mas quando ela constatou o sumiço da filha, veio o desespero: “para uma mãe é como se tivessem arrancado um pedaço. Eu me sentia vazia.” Ela contou que sempre foi de enfrentar situações, mas ontem teve muito medo.

A mãe contou que foi uma “choradeira” por parte de enfermeiras e equipes da Santa Casa. “O hospital parou para chorar com a gente”, lembrou. Viviane relatou que se perguntava com quem a filha estava, onde estava e se estava bem. “Se aparecesse na mídia, a pessoa não iria fazer alguma maldade?”, questionou-se. “Eu pensava: de repente nunca mais vou ver minha filha”, contou. 

Quando a filha foi encontrada, Viviane contou que sentiu uma alegria “que não cabia no peito”. Ela ficou contente em ver as pessoas se comoverem com a história e a ajudarem. “Foi com a ajuda das pessoas que a gente conseguiu e graças a Deus, ela está aí”, disse. Viviane contou que tem outra filha de 13 anos e que sempre foi coruja. “Nessa idade é ‘difícil segurar’, mas agora é que ela não vai sair mesmo”, brincou.

Magnun Lefa disse que nunca se imaginou pai, mas que a mulher o convenceu a ter um filho. “Até saber da gravidez, fiquei com pé atrás. Quando eu soube, tudo mudou”, contou. Lefa afirmou que o momento do nascimento foi indescritível. “Só deixei elas sozinhas para tomar banho em casa e foi aí que aconteceu”, lembrou. “É um sentimento que não se deseja para ninguém”, assegurou. 

 O rapto

Por volta das 16h dessa terça-feira, uma recém-nascida foi levada da Maternidade Mário Totta do Complexo Hospitalar Santa Casa, em Porto Alegre. Uma mulher que vestia roupas brancas, se passou por uma enfermeira para entrar no quarto onde mãe e filha estavam. Ela pegou o bebê com a desculpa de que teria que realizar exames.

A mãe desconfiou do uniforme diferente das demais funcionárias e foi até o setor de enfermaria. No local, foi informada de que não havia nenhum procedimento agendado. A segurança foi acionada, mas a mulher que se passou por enfermeira já havia saído do hospital.

A mulher foi identificada pelas imagens do circuito interno de câmeras, saindo do hospital com a criança no colo e entrando em um táxi. O taxista relatou à polícia que ao sair da Santa Casa, ele levou a mulher até o Hospital Presidente Vargas, que fica nas proximidades. Mas essa deve ter sido uma tentativa de despistar o motorista, porque ela não deu entrada no hospital.

A prisão

mulher foi localizada juntamente com o bebê e detida por policiais da 17ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre por volta da 1h30min desta quarta-feira, mais de nove horas depois do rapto.

Em depoimento a polícia, a mulher que raptou uma recém-nascida do Complexo Hospitalar Santa Casa, em Porto Alegre, disse que iria devolver o bebê à mãe. A mulher, que estaria grávida, alegou que a intenção era que uma criança fizesse companhia à outra, mas depois teria percebido que não daria conta de cuidar dos dois bebês. Não há comprovação médica de que a mulher era gestante, mas ela contou à polícia que já havia comprado os produtos para chegada do seu filho.

A assessoria de imprensa da Santa Casa informou que se empenhou em divulgar as imagens e indicar funcionários para prestar depoimento à Polícia Civil. A instituição também deve abrir uma sindicância para averiguar as responsabilidades sobre a fragilidade na segurança. 

Fonte: Correio do Povo

Argélia joga bem, vence a Coreia do Sul e assume segunda posição no Grupo H

Contando com o apoio da maioria dos torcedores no Beira-Rio, os africanos conseguiram resultado importante neste domingo

O DIA

Rio Grande do Sul – Uma avalanche verde e branca passou pelo Beira-Rio. Com amplo apoio dos torcedores que compareceram ao estádio de Porto Alegre, a Argélia fez um primeiro tempo muito forte e derrotou a Coreia do Sul por 4 a 2. O resultado deixou os africanos, que foram os primeiros do continente a marcarem quatro gols em uma partida de Copa do Mundo, em boas condições no Grupo H. Com três pontos, a seleção assumiu a segunda colocação, atrás apenas da Bélgica, que lidera a chave com seis. As equipes da Coreia e da Rússia estão nas últimas posições com apenas um ponto.

A definição sobre os classificados vai acontecer na próxima quinta-feira. A Argélia encara a Rússia às 17 horas, na Arena da Baixada. No mesmo horário, a Coreia do Sul joga contra a Bélgica, no Itaquerão. Os Diabos Vermelhos já conseguiram se classificar. A única equipe que garante a vaga com uma vitória simples na rodada final é a africana.

Argélia conseguiu vitória importante e assumiu segunda colocação no Grupo H

Foto:  Efe

O JOGO

Os argelinos começaram a partida mais confiantes e pressionaram os coreanos no seu campo de defesa. Com apenas um minuto, Feghouli finalizou com perigo, após indefinição da defesa asiática. Dois minutos depois, os africanos já tinham motivos para reclamar da arbitragem e o lance se deu novamente em uma jogada do apoiador. Após bela jogada individual, Feghouli foi derrubado, mas o árbitro colombiano, Wilmar Rondón, ignorou o lance.

A bola parada dos africanos era muito forte e aos oito minutos, os coreanos escaparam por sorte de sofrer o primeiro gol. Após escanteio, Slimani apareceu livre dentro da área e cabeceou bem, mas a bola por capricho, acabou tocando na rede pelo lado de fora, enganando até os torcedores do outro lado do campo no Beira-Rio, que chegaram até a pensar que havia sido gol. Aos 20 minutos, nova chance para a equipe do Norte da África. Slimani recebeu cruzamento e estava livre dentro da área, mas na hora de finalizar, o jogador pegou mal na bola que acabou saindo da direção do gol.

Aos 23 minutos, o centroavante teve a sua terceira chance e dessa vez não deu bobeira. Slimani foi lançado em condições legais, ganhou da zaga coreana e tocou na saída de Sungryong para abrir o placar. Dois minutos depois, os africanos ampliaram. Depois de escanteio bem cobrado, o goleiro coreano saiu mal e Halliche cabeceou firme para o fundo das redes.

Argelinos fizeram bela festa no Beira-Rio

Foto:  Efe

Com a vantagem no placar, os argelinos, que estavam no Beira-Rio e já contavam com o apoio da maioria dos torcedores brasileiros no estádio, passaram a fazer uma bela festa, transformando a atmosfera normalmente colorada em uma bela confraternização verde e branca. Incentivados, os africanos fizeram o seu terceiro gol. Aos 35 minutos, após lançamento para a área, a zaga coreana afastou mal, Slimani dominou e ajeitou para Djabou que marcou o dele. Mesmo com a grande vantagem, a Argélia seguia comandando a partida, conseguindo criar novas boas chances para chegar ao quarto gol, mas o placar seguiu sem mais nenhuma alteração para o intervalo.

Os argelinos voltaram desatentos para o segundo tempo. E com apenas quatro minutos, os asiáticos diminuiram. Após chutão para frente, Son Heung Min dominou, se virou e bateu forte, sem chances de defesa para o goleiro Mbolhi. O gol animou os coreanos, que passaram a criar boas chances. A equipe africana não ficou acuada e a partida passou a ficar mais aberta. Aos 14 minutos, Ki Sung-Yueng arriscou de fora da área para boa defesa de Mbolhi. 

Só que era um dia glorioso para o futebol argelino. Após bela jogada coletiva da equipe africana, Brahimi recebeu na cara do gol e marcou o quarto para o time africano, jogando uma balde de água fria nas pretenções de reação da equipe sul-coreana. Este gol significou um momento história para o continente africano em Copas. Pela primeira vez, uma seleção conseguia marcar quatro gols em uma partida de Mundiais.

No entando, os asiáticos eram valentes, foram para cima e voltaram a diminuir. Após cruzamento pela esquerda, Koo Ja Cheol desviou para o fundo das redes, dando uma nova esperança para a equipe da Coreia do Sul. Necessitando de pelo menos um empate, os asiáticos foram para cima. Com o fim do jogo de aproximanto, os africanos passaram a procurar menos o ataque e se fecharam na defesa. Mesmo com a pressão, a equipe da Argélia conseguiu segurar o resultado importante para as pretenções da equipe no Mundial.

FICHA TÉCNICA 
COREIA DO SUL 2 X 4 ARGÉLIA

Estádio: Beira-Rio (RS) 
Árbitro: Wilmar Rondón (COL) 
Público: 42.732 presentes 
Cartões Amarelos: Lee Chung Yong, Lee Yong, Han Kook-Young (COR); Bougherra (ARG) 
Cartões Vermelhos: –

Gols: Slimani, Halliche, Djabou, Brahimi (ARG), Son Heung Min, Koo Ja Cheol (COR)

COREIA DO SUL : Sungryong; Yong, Jeongho, Younggwon e Sukyoung; Kookyoung e ( 20′ do 2ºT – Lee Keun Ho) Chungyong; Sungyueng, (12′ do 2ºT – Kim Shin Wook) Chuyoung e Koo Ja Cheol; Heungmin / Técnico: Hong Myung Bo

ARGÉLIA: Mbolhi; Mandi, Medjani, Bouguerra (43′ do 2ºT – Belkalem), Halliche e Mesbah; Brahimi(32′ do 2ºT – Lacen), Djabou (28′ do 2º T – Ghilas), Feghouli e Bentaleb; Slimani / Técnico: Vahid Halilhodzic

Um morre e três ficam feridos em colisão na BR 386

Acidente entre carro e caminhonete ocorreu em Triunfo

Uma pessoa morreu e três ficaram feridas em acidente na manhã deste sábado na BR 386 em Triunfo, região Carbonífera. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um voyage e uma Duster colidiram frontalmente no Km 410 da rodovia. 

Um ocupante do Voyage morreu e outros dois ficaram feridos. Duas pessoas que estavam na caminhoente também se machucaram. De acordo com a PRF, havia nevoeiro denso no local, o que pode ter contribuído para o acidente. 

Fonte: Correio do Povo

Mesmo com aparelho, neblina fecha aeroporto de Porto Alegre

A aguardada instalação do aparelho antineblina não impediu que o trânsito do aeroporto Salgado Filho fosse mais uma vez afetado pela cerração matinal de Porto Alegre. As baixas condições de visibilidade fecharam o aeroporto às 7h10, sem previsão de reabertura.

O efeito sobre a grade de voos, todavia, não é muito grande. De todos as chegadas previstas para o período da manhã este sábado, duas foram canceladas e três, alternadas. Uma partida foi cancelada e outra, atrasada.

O ILS2, aparelho há muito aguardado para evitar os comuns atrasos e cancelamentos de voos por baixas condições de visibilidade no Salgado Filho, chegou nesta semana ao aeroporto. Ele auxilia pilotos e o comando do aeroporto em dias de neblina e entre uma distância de 350 e 800 metros. Na manhã deste sábado, a visibilidade estava abaixo dos 350 metros.

Fonte: Terra

Bimotor cai em Cruz Alta e dois jovens ficam feridos

Acidente ocorreu próximo ao aeroclube do município do Alto Jacuí

Duas pessoas ficaram feridas após a queda de um bimotor por volta das 16h desta quinta-feira em Cruz Alta, no Alto Jacuí. A aeronave caiu em uma plantação próxima à Rodovia Luciano Furian, no bairro Tamoio.

O local do acidente fica perto do aeroclube da cidade e a aeronave auxiliava a decolagem de um planador. No bimotor estavam dois jovens, ambos de 21 anos, que foram resgatados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados ao Hospital São Vicente de Paulo. 

Conforme a assessoria de imprensa da casa de saúde, os dois jovens apresentam quadro estável e vão ficar esta noite em observação no Pronto Socorro para realização de exames. 

Fonte:Correio do Povo| Hygino Vasconcellos  

 

Incêndio de grandes proporções atinge cooperativa de Encantado

Bombeiros de três municípios trabalham no combate ao fogo

Incêndio de grandes proporções atinge cooperativa de Encantado<br /><b>Crédito: </b> Juremir Versetti / Chinelagem Press / Especial / CP
Incêndio de grandes proporções atinge cooperativa de Encantado 
Crédito: Juremir Versetti / Chinelagem Press / Especial / CP

Um incêndio de grandes proporções atingiu no final da manhã deste sábado a matriz da Cooperativa dos Suinocultores de Encantado (Cosuel), no Vale do Taquari. O Corpo de Bombeiros do município recebeu apoio de viaturas de Estrela e Lajeado no combate ao fogo. Muita fumaça densa e escura podia ser vista à distância, mas não há informações sobre feridos.

Informações preliminares indicam que o fogo iniciou na padaria e num depósito de alimentos do supermercado. O prédio fica na rua Guerino Luca, na área central da cidade. No mesmo local, funcionam o Centro Administrativo da cooperativa e o setor de informática. A Cosuel foi fundada em 15 de junho de 1947 e neste domingo completa 67 anos.

Fonte:Correio do Povo| Deolí Gräff  

noticias gerais e, especificamente, do bairro do Brás, principalmente do comércio