Arquivo da tag: VIOLÊNCIA CRESCENTE

Homem é morto a facadas em bairro nobre de São Paulo

De A Tribuna On-line

O corpo de um homem foi encontrado, na madrugada desta terça-feira, na calçada da avenida Pacaembu, no bairro nobre de Perdizes, zona oeste da capital paulista. De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi esfaqueada no pescoço.

Segundo a PM, uma pessoa que passava pela via encontrou o corpo e chamou a polícia, por volta das 2h. A vítima não portava documentos e, por isso, não foi identificada. Segundo a Polícia Civil, o homem aparenta ser um morador de rua.

O caso foi encaminhado ao 91º Distrito Policial (Ceagesp), mas será investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Jovem é morta com tiro na nuca

DIÁRIO DA MANHÃ|DIVANIA RODRIGUES

Janaína Nicacio de Souza, 24, foi morta na noite de quinta-feira, 8, por volta das 22h. O crime aconteceu na Avenida C-1, no Jardim América, Goiânia. As informações são da Polícia Militar (PM).

<strong>Bill Guerra/ DM.com.br</strong>

Bill Guerra/ DM.com.br

Conforme a ocorrência registrada pela PM, uma equipe teria sido acionada e chegando a um estabelecimento comercial chamado “Bar da Mainha” se deparou com Janaína com uma marca de disparo de arma de fogo na altura da nuca. 

O Corpo de Bombeiros (CB) compareceu ao local e tentou reanimar a Janaína, mas não tiveram êxito. As testemunhas que estavam no local teriam dito à polícia que o atirador estava em uma motocicleta preta e fugiu logo após atirar.

Ainda de acordo com a ocorrência policial, pessoas teriam dito que a vítima seria garota de programa. A motivação e a autoria do crime estão sendo investigadas.

Ladrões explodem caixa eletrônico na Unesp de Araraquara

04/05/2014 

Franca, 04 – Um caixa eletrônico da Unesp foi atacado pela segunda vez em menos de um mês em Araraquara (SP). A ação aconteceu durante a madrugada deste domingo, 4, e seis suspeitos acabaram presos depois pela polícia com R$ 27 mil a caminho de Ribeirão Preto, cidade onde residem.

A quadrilha atacou o caixa do Banco do Brasil pouco depois das 4h, estando todos usando capuzes. Dois vigias foram rendidos pelos bandidos que entraram no Departamento de Ciências e Letras, local em que se encontrava o equipamento. Após a explosão o dinheiro foi colocado dentro de um saco preto.

Os suspeitos foram localizados perto do pedágio de Guatapará (SP) em um Audi onde havia, além do dinheiro, capuzes, uma arma e um colete a prova de balas.

Eles foram autuados em flagrante e mandados para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de Ribeirão Preto.

Ataques a caixas eletrônicos dentro de universidades na região têm se tornado comuns. A própria Unesp de Araraquara foi alvo de outra ação do tipo há menos de um mês, mas na ocasião as explosões não conseguiram estourar o cofre e o painel do caixa, que não liberou o dinheiro.

Antes disso, a USP de Ribeirão Preto foi alvo de seguidos ataques que fizeram os bancos reduzirem o número de equipamentos na instituição. De acordo com a Polícia Civil de Ribeirão, que fez as prisões neste domingo, 4, o grupo também estaria envolvido em outras ações do tipo.

Caminhão com cestas básicas para desabrigados sofre tentativa de assalto

De A Tribuna On-line

Na manhã seguinte ao incêndio que destruiu cerca de 150 barracos nas favelas do Mangue Seco e Butantã, no Jardim Rádio Clube, em Santos, por pouco a ajuda não chega às mãos dos desabrigados. Um caminhão que levava cestas básicas aos moradores sofreu uma tentativa de assalto na manhã desta sexta-feira, próximo à Avenida Hugo Maia.

De acordo com André Luiz, presidente da Associação de Moradores das favelas atingidas, os próprios desabrigados conseguiram fazer com que os bandidos não levassem a carga. “Eles tentaram roubar, mas não conseguiram. Fomos para lá e deixamos uma secretária nossa (da Associação) tomando conta para que outro grupo não se aproxime”.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Santos, Daniel Onias, a Prefeitura vai impedir que os moradores voltem a ocupar a área onde ocorreu o incêndio, depois que os destroços forem retirados do local.

N/A

As chamas tiveram início por volta das 11h30 de quinta e em cerca de meia hora devastaram quase toda a região

Até ontem, pelo menos 120 famílias, vítimas do incêndio nas favelas do Mangue Seco e Butantã, no Jardim Rádio Clube, em Santos, foram cadastradas para receber ajuda da Prefeitura. Desse total, dez foram encaminhadas para abrigos públicos. O cadastro segue no final de semana no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da Zona Noroeste.

Os interessados em ajudar os desabrigados podem doar roupas, produtos de higiene, de limpeza, colchão, toalha, travesseiro e lençol e itens alimentícios. 

O incêndio

As chamas tiveram início por volta das 11h30 e em cerca de meia hora devastaram quase toda a região (8 mil m²), de acordo com informações oficiais do Corpo de Bombeiros.

Os barracos destruidos pelas chamas ficam próximos a um canteiro de obras do programa Santos Novos Tempos, ao lado do morro Ilhéu Alto, às margens do Rio São Jorge. Por volta das 12h45, as chamas foram controlada.

N/A

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, em razão da forte rajada de vento que atingiu região no início do dia de ontem, o fogo se espalhou rapidamente. Um galpão da Prefeitura próximo ao local também foi atingido pelas chamas.

Minutos após o início do incêndio, o Plano de Auxílio Mútuo (PAM) foi acionado e, no total, 17 viaturas e 37 soldados do Corpo de Bombeiros de Santos, São Vicente, Cubatão, Guarujá e da Brigada de Incêndio da Margem Direita participaram do combate ao fogo. Precisou ser utilizado 300 mil m³ de água. Viaturas da Sabesp e da Terracom ainda prestaram apoio.

Idoso pede calma aos ladrões e é assassinado a tiros em farmácia

De A Tribuna On-line

Um idoso foi assassinado a tiros na noite de terça-feira, em São Paulo, durante assalto a uma farmácia na Avenida Prefeito Fabio Prado, na Vila Mariana, zona sul da capital.

De acordo com a PM, criminosos chegaram e anunciaram o roubo. O homem estava comprando medicamentos e a esposa estava no carro, aguardando por ele. Há informações de que a vítima não reagiu, mas pediu calma aos ladrões. Nesse momento, um deles disparou duas vezes. O idoso morreu na hora.

Logo em seguida, os bandidos fugiram. O caso foi registrado no 8° Distrito Policial.
 

N/A

Assalto ocorreu em farmácia da Vila Mariana. Esposa estava no carro e viu quando idoso foi morto a tiros

noticias gerais e, especificamente, do bairro do Brás, principalmente do comércio